A história de Johnnie Walker

<p>
	A hist&oacute;ria de Johnnie Walker <em>(Reprodu&ccedil;&atilde;o)</em></p>

O Adnews All Stars de hoje celebra a campanha institucional da marca Johnnie Walker protagonizada pelo ator Robert Carlyle e lançada em 2009. O astro escocês, conhecido por filmes como Trainspotting, narra a história do whisky mais famoso do mundo no vídeo criado pela BBH de Londres.

Enquanto caminha pelas montanhas do país, Carlyle conta detalhes da trajetória de Johnnie Walker e de seus fundadores. O texto segura a atenção do espectador durante os mais de cinco minutos de vídeo.

A história da criação da campanha é curiosa. O redator Justin Moore, da BBH, tinha conseguido resumir 200 anos de história da marca num monólogo de cinco minutos e meio.

Logo que recebeu o texto, o diretor Jamie Rafn e o redator confabularam que seria maravilhoso se tudo fosse feito num só take, sem cortes. Mas quando as gravações começaram nada dava certo.

Era preciso acertar tudo. Carlyle teria de proferir o texto de maneira impecável, os objetos em cena teriam de funcionar da maneira correta, etc. No segundo dia, porém, todos começaram a acertar e um take ficava melhor que o outro.

Desafios técnicos também dificultaram a gravação. Ao AdAge, o diretor diz que um dos grandes problemas para o ator do vídeo eram as moscas do local. A equipe de gravação conseguia se proteger, mas ele não.

Outro desafio era conseguir prender a atenção do espectador com um filme de quase seis minutos e com apenas um protagonista - tirando o gaiteiro do início. Filmes com longos takes, como Russian Ark, foram as inspirações do diretor. Para quem vê o vídeo hoje, imagina que tudo foi fácil. Ledo engano.

Carlyle, que o diretor classifica como o Robert de Niro dos escoceses, teve de gravar a cena mais de 40 vezes. O take utilizado na campanha foi o derradeiro, do último dia de gravação. No fim, o ator ainda perguntou ao diretor: "Precisamos fazer mais um?". Não precisava, o vídeo estava pronto.

Entre os prêmios, o vídeo levou um Leão de Ouro em Cannes 2010, na categoria Film.

Redação Adnews

Deixe seu comentário: