5 motivos pelos quais as agências devem terceirizar a gestão de suas infraestruturas

cloud

O crescimento da complexidade econômica mundial, impulsionada principalmente pelas novas ferramentas tecnológicas, tem produzido efeitos interessantes em diversos tipos de negócios. Se no século passado muitas companhias controlavam praticamente toda a cadeia produtiva de seus produtos, a tendência mundial é que mais e mais empresas terceirizem serviços secundários, para que possam focar mais na atividade fim de seus negócios, as chamadas competências centrais. Negócios dos mais diversos segmentos vêm adotando essa estratégia, mantendo internamente aquilo no que realmente se diferenciam e terceirizando tudo o que pode ser feito de forma melhor, mais rápida e mais barata por outras empresas.

Já que é uma tendência mundial que passa por companhias dos mais diversos setores, é esperado ver agências digitais seguindo por esse caminho. Como um dos segmentos que definem tendência e com consumidores cada vez mais exigentes e demandando cada vez mais dos serviços contratados, as agências não podem mais apostar em controlar todos os seus processos. Por isso, muitas delas vêm recorrendo a soluções externas para a realização de processos específicos, dentre eles, a gestão de infraestrutura de hospedagem.

Utilizar uma infraestrutura de hospedagem robusta para a gestão de centenas de campanhas, websites e até emails de clientes não é mais apenas um quesito de diferenciação para as agências. Com o alto nível de competição atual, possuir uma equipe interna cuidando apenas dessas atribuições significa gastar recursos preciosos, que poderiam ser revertidos em esforços criativos ou outras atividades centrais da agência. Diante de todo esse cenário, não faltam motivos pelos quais as agências digitais devem terceirizar a gestão de suas infraestruturas:

Foco principal na atividade core da agência

Como já dito, na competitiva economia atual é necessário que as agências se esforcem em produzir valor a partir daquilo que realmente são suas expertises. Para agradar os clientes do século XXI é necessário entregar um valor superior, o que só pode ser atingido com muito foco. Se a agência precisa perder horas por dia gerenciando infraestrutura, está deixando de criar estratégias para engajar e fidelizar clientes;

Diminuição de gastos

Se uma agência decide gerir, por ela mesma, sua infraestrutura de hospedagem, acaba esbarrando em um ponto crítico: a gestão desse tipo de infraestrutura é complexa e requer profissionais extremamente capacitados. Ao utilizar soluções que realizem esse tipo de gestão, as agências passam a economizar recursos preciosos, que podem passar a investir em outras áreas da agência.

Mais qualidade para os clientes

Uma solução especializada cuidando da infraestrutura da agência significa mais desempenho, estabilidade e resultados para os clientes, já que a agência poderá focar em criar conteúdos memoráveis, enquanto a solução cuida da entrega do conteúdo para clientes e usuários da melhor forma possível.

Suporte feito por especialistas

Com uma solução terceirizada cuidando da parte de infraestrutura, a agência conta com profissionais especializados para a resolução de quaisquer eventuais problemas que venham acontecer. Essas soluções e profissionais, por conhecerem as dores pelas quais passam as agências, podem inclusive auxiliá-las no processo de tomadas de decisões técnicas.

Controle e gestão centralizados sobre a infraestrutura

Devido ao dia a dia corrido das agências, tornou-se prática comum possuir diversos fornecedores diferentes. Utilizar um parceiro de infraestrutura com controle centralizado de aplicações faz com que as agências possam ter muito mais controle e organização sobre todos os serviços, sejam eles websites, emails ou bancos de dados.

O processo de terceirização tem permitido a empresas do mundo inteiro um foco maior na criação, entrega e monitoramento do valor que entregam aos seus clientes. Para as agências, terceirizar a gestão de suas infraestruturas significa poder focar na geração de valor para seus clientes, ao invés de gastarem suas energias e potenciais criativos na gestão de aspectos técnicos.

Arthur Furlan é CEO e Co-founder da Configr. Formado em Ciência da Computação pela UFPR, trabalha com tecnologia há mais de 14 anos. Empreende com a Configr desde 2013 auxiliando agências digitais e desenvolvedores e terem mais produtividade e desempenho hospedando suas aplicações e de seus clientes na nuvem.

Deixe seu comentário: