7 erros comuns em marketing digital

Mais de 80 milhões de brasileiros acessam a internet pelo celular. Mais da metade dos lares brasileiros possuem acesso à internet. Em 2015, as vendas no comércio eletrônico cresceram 15,3%, atingindo a marca de R$ 41 bilhões. Nesse cenário, as empresas brasileiras já não têm mais alternativas: precisam estar presentes nas mídias digitais. Mas, por ser um ambiente ainda novo para os negócios, muitas empresas cometem erros básicos que não trazem os resultados de vendas e de posicionamento de marca desejados. Confira os sete erros mais comuns cometidos pelas empresas na hora de investir em mídias digitais.

 

1 - Ter expectativas de resultados no curtíssimo prazo

 

O marketing digital tem o poder de entregar resultados rápidos. Basta imaginarmos uma situação em que a empresa não está exibindo anúncios para quem está buscando seus serviços ou produtos e, de um dia para o outro, passa a exibi-los. É óbvio que ela receberá contatos de potenciais clientes, assim que iniciar os investimentos. Entretanto, a cada dia que passa a publicidade online está mais competitiva e é necessita de uma visão de construção de resultados. Atualmente, o resultado está diretamente relacionado à otimização dos recursos. Mas só é possível melhorar algo que já existe e que tenha uma amostragem razoável em termos de números. Tenha paciência e folego financeiro.

 

2 - Não fazer acompanhamento frequente dos investimentos

 

Deixar no piloto automático não funciona. Se você não conseguir acompanhar diariamente diversos indicadores de resultados de sua campanha, você está desperdiçando dinheiro por dois caminhos: custo de oportunidade, que é a receita que você deixa de ter por não fazer da forma correta, e o próprio desperdício de valores; por não otimizar, você estará pagando a mais por algo que você poderia ter pago menos. Reflita se você é a pessoa certa para cuidar disso.

 

3 - Não realizar a mensuração da forma correta

 

É fundamental entender o que medir. O resultado varia conforme cada negócio, mas o objetivo final é comum: vendas. Se você apenas monitorar a concretização de vendas, vai deixar escapar vários passos anteriores, fundamentais que a venda aconteça. Às vezes, a publicidade está funcionando, mas você está olhando para o dado errado.

 

4 - Querer fazer várias mídias com pouco orçamento

 

Não queira abraçar o mundo. Quanto menor o investimento, mais assertivas devem ser as estratégias. Se você pulverizar um orçamento muito pequeno em várias estratégias não terá volume suficiente para gerar performance qualificada e de resultados. Comece com foco e vá ampliando conforme resultados.

 

5 - Desalinhamento entre investimento x resultados

 

Sua expectativa de resultados, em termos de valores, deve ser compatível com seu investimento. Um pequeno investimento em marketing digital irá lhe trazer um resultado proporcionalmente pequeno. Não coloque todos os seus custos versus seu pequeno investimento em publicidade online. A conta não irá fechar.

 

6 - Não ampliar os investimentos

 

Assim que tiver os primeiros resultados, amplie seu orçamento. A publicidade online segue crescendo a dois dígitos e você precisa acompanhar este crescimento para ter competitividade. Outra questão importante é que seus custos fixos são rateados pelo valor total de seu faturamento. Amplie seu faturamento e seu resultado final será melhor, você terá maior lucratividade. Se você trabalha com orçamento fixo mensal, talvez esteja indo no caminho errado.

 

7 - Colocar a culpa apenas no marketing digital

 

A sua campanha não está dando resultados? Será que é a sua campanha? O principal objetivo do marketing digital é trazer um potencial comprador ao seu site. Depois que a pessoa está em seu site o caminho ainda é longo até a finalização da compra. É muito comum as pessoas acharem que basta anunciar que vende. A realidade é bem diferente e oferece um cenário muito mais complexo e desafiador. Analise seu site, seu atendimento, sua empresa sob a ótica de seu cliente. Teste seu atendimento, sua equipe e seu site, você vai perceber que talvez o marketing digital esteja funcionando bem e o problema pode estar em outro lugar.

 
Artigo encaminhado por Gustavo Hana, CEO da Agência GhFly

Deixe seu comentário: