O que os geeks veem na TV aberta?

masterchef

O Omelete Group, que engloba o Portal Omelete, reduto de geeks e antenados em cultura pop, também responsável pela organização da Comic Con Experience, que se tornou um dos eventos mais bombados no calendário anual de feiras e clebrações do País, encomendou ao Ibope Conecta um estudo para atualizar seu conhecimento sobre os hábitos de comportamento e consumo de seu público. E quando o assunto chega em TV aberta, surpresa (ou nem tanto), o título de melhor programa de 2016 coube ao "Masterchef Brasil", da Band. O Discovery Home&Health é coprodutor, vá lá, mas a questão é que o talent show é o programa mais citado por 27,7% dos ouvidos sobre o que ver na TV aberta.

Digo que nem deveria ser tão surpresa assim porque, afinal, o "Masterchef" exibe todo o seu fôlego nesse território pop com os índices que lhe asseguram sólida vantagem sobre todos os programas de TV no engajamento alcançado pelo Twitter. Mas não deixa de ser paradoxal que um programa disposto a mapear grandes talentos na cozinha seja o menu preferido dos fãs de um portal chamado Omelete, que remete à simplicidade gastronômica, boa opção de comida para quem consome mais tempo em jogos online, internet e TV, do que à beira do fogão.

Em 2º lugar, está "Todo Mundo Odeia o Chris", série de fora, encerrada em 2009, atualmente exibida pela Record, com 23,2% das menções.

Em 3º, e só em 3º, o que chama muito a atenção quando se atribui ao esporte e ao jornalismo o futuro da TV aberta, está o Brasileirão, Campeonato Brasileiro de Futebol, exibido pela Globo, com 18,7% dos votos.

A premiação do Oscar vem logo atrás, com 18,5% da preferência. Faz sentido. Embora o evento seja um prato cheio para esse público, a melhor transmissão do evento está na TV paga, via TNT, e não na aberta, com exibição em sua totalidade, sem delay, como acontece na Globo.

O "Tá no Ar", com Marcelo Adnet e Marcius Melhem, que pode ser tratado como o humorístico mais pop da TV aberta, aparece na 6ª posição, com 9,6% dos votos, seguido pelo "Jornal Nacional" (9,5%) e pelo "Altas horas", de Serginho Groisman, com 8,4%.

Esta é a 4ª edição da pesquisa anual "Geek Power", iniciativa do Omelete Group, e foi feita em parceria com o Ibope Conecta, plataforma web do Ibope Inteligência. A ideia é radiografar o perfil sócio-econômico, o comportamento, as preferências e hábitos de consumo dos leitores do portal Omelete. O questionário somava mais de 100 perguntas e ficou disponível durante 14 dias, coletando respostas de 26 mil pessoas, com o seguinte perfil:

68% dos participantes têm entre 18 e 34 anos de idade.
85% são homens
60% moram no Sudeste, principalmente em São Paulo
65% têm ensino superior ou estão cursando
64% têm renda familiar entre 2 e 10 salários mínimos
91% fazem compras online.

Em tempo: até março, a Band põe no ar mais uma temporada de seu mais bem sucedido produto, com cotas comerciais bem abastecidas, feito raro nos dias de hoje.

Veja mais sobre TV e outras telas em TelePadi.

Deixe seu comentário: