Arnaldo Antunes e Marisa Monte acusam Doria de usar música sem autorização

doria

Direito autoral é sempre uma questão que provoca diversas polêmicas e muitas delas descambam para a internet. A mais nova envolve os cantores e compositores Arnaldo Antunes e Marisa Monte e o atual prefeito de São Paulo, João Doria. Os cantores acusaram o político e empresário de fazer uso sem autorização da canção "Ainda Bem" nas redes sociais para divulgar a inauguração de uma obra da Prefeitura no Parque do Ibirapuera.

A cantora fez um post em seu Facebook para esclarecer a situação. “Notificamos o prefeito, em conjunto com nossas editoras (SonyATV e Universal Music Publishing), sobre o uso ilegal de nossa obra, solicitando a retirada imediata do conteúdo de circulação e o esclarecimento ao público de que a canção havia sido usada sem nosso consentimento”.

Para ela, “o vídeo é claramente uma peça audiovisual de propaganda política, produzida, editada e finalizada, com o evidente objetivo de autopromoção. A música é mantida como trilha sonora do vídeo, sincronizada continuamente por mais de 40 segundos ao fundo de imagens sequencialmente editadas”.

Com o objetivo de se defender das acusações, na tarde de hoje (30) o prefeito de São Paulo postou um vídeo em seu Facebook. Entre outras coisas, ele disse que apenas publicou um post que mostrava imagens do evento e que não havia sequer reparado naquele momento que havia uma música tocando ao fundo. Doria também disse que pediu a sua equipe que retirasse o material de todas as redes sociais.  

Deixe seu comentário: