Internet mostra o seu peso e tira “Só Surubinha de Leve” do Spotify

das

“Traz uma piranha, aí! Brota e convoca as p***. Mais tarde tem fervo, hoje vai rolar suruba. Só uma surubinha de leve, surubinha de leve. Com essas filha da p***. Taca a bebida, depois taca a p*** e abandona na rua”. Quem lê essas frases pela primeira vez pode pensar que elas sejam parte de um dialogo ocorrido durante um estupro, mas o que parece a prova de um crime é apenas a música eleita pelo Spotify como a mais viral do Brasil.

Lançado há um mês, o funk “Só Surubinha de Leve“ de MC Diguinho em menos de 30 dias contou 15 milhões de visualizações e se tornou uma das músicas mais comentadas recentemente.

Pela violência de seus versos, diversas mulheres mostraram que aquilo não era nada leve e tinha um peso muito negativo.

Com postagens como a das irmãs Carol e Vitória que reveem músicas machistas;

E com a denúncia em forma de montagem criada pela jovem de João Pessoa, Yasmim Formiga, cada vez mais pessoas na web tomaram conhecimento do real teor da música.

A mobilização contra a canção foi tão pesada que a própria plataforma de streaming veio a público nesta quarta-feira (17) dizer que tirará a faixa do ar.

“Informamos que contatamos a distribuidora da música “Só surubinha de leve” a respeito do ocorrido, e fomos informados que a faixa será retirada da plataforma nas próximas horas, uma vez que o tema foi trazido à nossa atenção”, disse a nota oficial.

Com clipe programado para ser lançado no mesmo dia em que seu funk saiu do ar, o cantor mostrou em postagem no Twitter que não parece muito preocupado nem com o que escreveu nem com o ocontecido. 

O que achou da iniciativa da plataforma? Conte para a gente nos comentários.

Deixe seu comentário: