Coisas estranhas: Netflix é processada por usar foto de tempestade sem permissão

heavey

O fotógrafo Sean R. Heavey acusou a Netflix por usar sua imagem de uma tempestade sem permissão para o programa Stranger Things. O artista de Montana descobriu pela primeira vez que parte de sua foto foi usada pela Netflix em maio de 2018, quando foi apresentada em uma arte conceitual para os bastidores especiais da série. Confira abaixo:

A fotografia em questão é intitulada "The Mothership", da coleção de 2010 de Heavy. A queixa afirma que a foto foi o resultado da captura de quatro imagens em retrato e a mesma foi registrada para direitos autorais no United States Copyright Office em 2010.

O advogado da Netflix, Jarin Jackson, explicou que a única similaridade na obra de arte da Netflix e da tempestade é o “uso de formações de nuvens semelhantes”. Isso, infelizmente, não é protegido pela lei de direitos autorais, pois a lei não defende “objetos como eles aparecem na natureza".


A Netflix afirma que está “dentro de seus direitos” usar a imagem, já que a arte conceitual parece ser virtualmente diferente da foto de Heavey. Agora, Heavey está apelando para o sistema legal depois que suas tentativas de resolver as coisas diretamente com a empresa não deram certo.

Deixe seu comentário: