Henessy destaca primeiro afro-americano a vencer campeonato mundial

gfh

Desde 2012 a Hennessy, empresa produtora de conhaque, trabalha a campanha “Wild Rabbit”. A partir desse momento, a marca abraçou a possibilidade de exercitar seu potencial por meio das histórias de indivíduos, cujas ganas internas os levaram a sempre se manter em movimento, algo bem próximo à mentalidade da marca, que defende o “Nunca pare, nunca se acomode”.

Com a colaboração da Droga5, que tem estado à frente da evolução criativa da campanha desde o início, eles convidaram Marshall "Major" Taylor, o primeiro afro-americano a vencer um campeonato mundial em 1889 para participar da quinta fase da ação.

Diferente de outros campeões mundiais, Taylor passou por um período de esquecimento popular. Fato que para Giles Woodyer, vice-presidente sênior da Hennessy US é “uma história em grande parte não contada que nos pareceu necessária ser trazida à luz", defendeu.  

Sobre a aproximação da marca com o atleta, Woodyer disse que: "Hennessy sempre se comprometeu a celebrar momentos culturais importantes e a compartilhar as histórias que ajudam a moldar nosso mundo. Esperamos que essa jornada notável de um herói americano inspire os outros a ultrapassar os limites do potencial - continuar lutando, nunca parar. Nunca se acomode”. 

O filme deste ano inspira-se em fotografias antigas, livros e recursos online, bem como entrevistas e auto-avaliação de Taylor, como a autobiografia publicada, The Fastest Bicycle Rider in the World. Para manter a história autêntica, as cenas foram gravadas em um dos poucos velódromos de madeira totalmente operacionais do mundo.

A marca de conhaque também tem parceria com a ESPN para compartilhar o legado do ciclista pioneiro em um documentário, em forma de curta, com comentários do piloto de BMX Nigel Sylvester e do ciclista de estrada Ayesha McGowan. O filme irá ao ar na ESPN gringa em 22 de abril.  

 

Deixe seu comentário: