Santander cria filme épico para questionar o lucro

Santander

O mais valioso na vida de uma pessoa não é o quanto tem na conta, mas suas memórias e história, e isso quem diz é o próprio Banco Santander em sua nova campanha feita pela McCaan espanhola. Pode parecer estranho, mas foi esse o argumento para a criação de um filme épico de 18 minutos que foi veiculado em salas de cinema.

Na ficção cientifica, uma mulher recém-divorciada vende suas memórias por milhões e não consegue suportar o vazio que passa a ser sua vida. O filme veiculado nas telonas, além de levantar debates sobre formatos e investimento em mídia, também demonstra um passo arriscado da instituição em problematizar quanto vale a obtenção de dinheiro a qualquer custo.

Confira abaixo a corajosa peça que rendeu um GP de Entertnaiment em Cannes Lions e diminuiu em 24% o sentimento de insegurança do público perante o banco em apenas duas semanas:

Deixe seu comentário: