Chefe "ganha" a web ao elogiar afastamento por saúde

madalyn

No último dezembro, a publicitária Matsuri Takahashi da Dentsu Tóquio tirou sua vida devido às extenuantes horas extras que era obrigada a cumprir. Apesar dos pedidos de ajuda, a empresa nada fez e a jovem de 24 anos tirou sua vida. O escândalo chocou o mundo e chegou a um nível em que diversas agências repensassem sua cultura. A comoção foi tanta que fez até com que Tadashi Ishii, CEO do grupo, se demitisse pela culpa que sentia.

Períodos que extrapolam a jornada de trabalho, não ver pessoas próximas e problemas de saúde acontecem diariamente em todo o mundo. Tudo isso, infelizmente, é algo comun em ambientes tão competitivos. Porém, histórias como a de Madalyn Parker e seu chefe (que você verá a seguir) mostram que ainda há empatia em escritórios mundo afora.

Funcionária da Olark, empresa de chats para sites, a profissional que sofre de depressão crônica mandou um e-mail para toda sua equipe avisando que se ausentaria por alguns dias. Seu gestor leu a postagem e a resposta dele está emocionando a internet. Confira:

https://twitter.com/madalynrose/status/880886024725024769/photo/1?ref_src=twsrc%5Etfw&ref_url=http%3A%2F%2Fmashable.com%2F2017%2F07%2F11%2Fmental-health-day-email-from-boss%2F

Madalyn Parker:

Ei, time
Tirarei hoje e amanhã para focar em minha saúde mental. Espero voltar renovada para na próxima estar 100%.

Ben Congleton

Ei, Madalyn
Eu só queria pessoalmente agradecer a você por enviar e-mails como estes. Toda vez que você faz isso, eu me lembro da importância do afastamento médico também para a saúde mental — acredito que essa não seja a prática padrão em todas as empresas. Você é um exemplo para todos nós, e nos ajuda a superar um estigma.

Deixe seu comentário: