Paranoid aposta em virada criativa com a vinda de Mariana Youssef

dsa
Egisto Betti, Marcelo Mesquita e Peppe Siffredi (Sala 12), Heitor Dhalia e Mariana Youssef.

Diretora de filmes como Steves para a revista Rolling Stone (leão de prata em Cannes), vencedora da categoria Emerging Director no One Screen Short Film Festival, com o filme ‘Bolt vs. Flame’ da Nissan, e líder do movimento Free the Bid no Brasil, Mariana Youssef passa a integrar o time da Paranoid. Além de novo talento no casting de diretores, a chegada da profissional representa a aposta da produtora em uma virada criativa.

“Somos uma produtora de quase dez anos. O que nos fez chegar até aqui com tanta solidez e ao mesmo tempo num espírito jovem foram justamente estratégias que nos mantêm relevantes, como por exemplo ciclos de renovação e evolução. A chegada da Mariana marca um deles”, comenta Egisto Betti, sócio e produtor executivo da Paranoid.

Mariana Youssef já dirigiu campanhas para J&J, Rolling Stones, Fiat, Nissan, Sky, Natura e Samsung, entre outros grandes anunciantes. A diretora também traz em sua bagagem 10 anos de experiência em agências como Ogilvy, F/Nazca e Lew'Lara\TBWA, e o curta-metragem B-Flat, filmado na Índia e exibido em festivais de Madri, Cairo e Brasília.

“Conheço o Heitor e o Egisto e acompanho todo o trabalho da Paranoid há muitos anos. Sempre vi aqui um ambiente muito forte e propício para a criação audiovisual. Além disso, temos em comum um perfil empreendedor, de querer fazer acontecer. É um convite que encaro como um desafio para explorar ao máximo todas as minhas potencialidades”, ressalta a diretora.

Dentro do mesmo objetivo, a produtora de Betti e Dhalia ainda apresenta a dupla Sala 12, formada por Marcelo Mesquita e Peppe Siffredi. Os diretores têm passagem pela Barry Company e chegam à nova para ampliar a versatilidade do casting da empresa. Desde 2015, eles se dedicam à publicidade, acumulando filmes para Net, Claro, Samsung, Correios, Friboi e Nissan, em parceria com agências como Talent Marcel, Leo Burnett Tailor Made, Lew'Lara\TBWA e Artplan, entre outras. Com origem na montagem (Marcelo) e no roteiro (Pepe), a dupla encontrou sua complementariedade na vontade de contar histórias, sob diferentes linguagens: da ficção ao documentário, do humor ao drama.

Além da publicidade, a dupla Sala 12 atua também no mercado de entretenimento. É deles os longas “Cidade Cinza”, “A Viagem de Yoani” e “Paratodos”, o curta “ao Vivo” e o projeto “Fogo Fácil”. Somados, seus filmes foram selecionados para mais de 100 festivais nacionais e internacionais, e exibidos na Netflix, HBO e Rede Globo.

Deixe seu comentário: