Patrocinador rompe com time em que Bruno jogará

Divulgação/Lúcio Adolfo
Divulgação/Lúcio Adolfo

O outrora pouco conhecido Boa Esporte Clube de Minas Gerais que este ano jogará a Série B do Compeonato Brasileiro é um dos times mais comentados depois da contratação do goleiro Bruno. Após mostrar interesse pelo jogador desde 2013, a equipe reafirmou a intenção e contratou o jogador que será apresentado hoje (13) em Varginha. A confirmação gerou controvérsias e a marca de suplementos Nutrends Nutritions, patrocinadora do clube, rompeu a parceria em reunião extraordinária.

Em nota oficial publicada neste sábado (11), foi comunicado pelo Facebook “que, a partir de hoje, a empresa não é mais patrocinadora/apoiadora do Boa Esporte Clube'. Além disso, eles disseram que “não nos pronunciamos antes porque recebemos a notícia no fim da tarde de sexta-feira. A direção não estava reunida e não tínhamos como publicar algo”. A publicação gerou centenas de comentários positivos e milhares de reações.

Em defesa, o clube emitiu resposta em nota oficial assinada pelo seu presidente, Rone Moraes da Costa, onde afirma que “o Boa Esporte Clube não foi o responsável pela soltura e liberdade do atleta Bruno, mas o clube e sua equipe, enquanto empresa e representada por seres humanos, dotada de justiça e legalidade, podem dizer que tentam fazer justiça ajudando um ser humano, mais, cumprem a legalidade dando trabalho a quem pretende se recuperar”

Deixe seu comentário: