As campanhas que mais impactaram em fevereiro

Werneck

A Forebrain aproveitou o cenário de retomada da economia, aumento do PIB brasileiro em 1% e crescimento de 1,8% do comércio segundo o IBGE, para analisar, na pesquisa BRAIN de fevereiro, como esses fatores impactaram o comportamento do consumidor. Foram avaliados 35 comerciais a partir dos métodos de EEG (analisa o padrão de ondas cerebrais) e Eye-Tracking (monitora o movimento dos olhos e fixação do olhar). O estudo mediu o impacto dessas propagandas no cérebro de 60 participantes de diferentes perfis.

“As famílias apertaram o orçamento por meses e, quando voltaram a consumir após a retração, ainda que de forma cautelosa, priorizaram alimentos, calçados e vestuário. As campanhas das marcas desses setores se destacaram no começo de 2018 porque conseguiram se aproximar do seu consumidor e se tornaram prioridade na decisão de compra”, explica Billy Nascimento, co-CEO da Forebrain. 

Os resultados do desempenho das campanhas foram ranqueados nas categorias atenção, motivação e memorização. A Riachuelo figurou em primeiro lugar nos rankings de atenção e memorização, enquanto a Johnson & Johnson foi primeiro lugar no índice de motivação.

Índice de atenção

Do ponto de vista da neurociência, a atenção é definida como um filtro capaz de selecionar quais estímulos do nosso ambiente externo e interno receberão maior foco e prioridade. O índice de atenção descrito nos resultados da pesquisa avalia o quanto os comerciais apresentados e suas estratégias de comunicação foram efetivos em captar e manter a atenção do telespectador. Como a atenção atua como um filtro seletor, comerciais mais efetivos em promover altos níveis de atenção geram maior engajamento no consumidor.

Índice de motivação

O índice de motivação é a emoção do telespectador diante do filme e pode ser positiva ou negativa. Estratégias que empregam humor normalmente buscam gerar emoções positivas no espectador, enquanto comerciais que abordam situações de dor, perda e conflito naturalmente acabam por gerar uma motivação negativa. Em ambos os casos, os filmes podem ser efetivos em engajar emocionalmente o espectador gerando respostas que favorecerão a comunicação das marcas.

Índice de memorização

A memorização pode ser definida como o processo pelo qual o cérebro consegue armazenar, reter e recuperar diferentes tipos de informação ou experiências. Este índice é um indicativo da probabilidade de o comercial ser lembrado no futuro, ou seja, está relacionado com a formação de novas memórias.

Deixe seu comentário: