Livro artesanal traz o sabor e a história do Guaraná Antarctica

guaraná

Com 95 anos de história, Guaraná Antarctica lança o Livro de Wara’ná. Criada em edição limitada, a publicação é dividida em quatro fascículos que convidam o leitor a conhecer e, por vezes, sentir, cada detalhe do fruto nativo da Amazônia que é, também, matéria-prima do refrigerante.

A ideia, segundo a marca, foi traduzir em design o mesmo cuidado artesanal que forma a base de produção da bebida: que desde o plantio da semente, até a colheita, passa pelas mãos dos agricultores da região de Maués, no coração da Amazônia. “Com esse projeto levaremos ao público toda a cultura e o trabalho artesanal envolvido na produção de cada latinha do Guaraná Antarctica que os brasileiros já conhecem”, explica Diogo Dias, diretor de marketing da marca. “Há anos desenvolvemos um trabalho de parceria com os produtores familiares na Amazônia que foi capaz de fomentar a economia da região, cuidar do meio ambiente e também preservar a história e a cultura do guaraná. É a história do guaraná e dessas pessoas que vamos contar neste livro” complementa.  

Segundo Theo Rocha, diretor de criação da F/Nazca Saatchi & Saatchi, agência responsável criação da publicação “é impossível não se apaixonar pela história e pelo processo de produção. E precisávamos dividir essa experiência com todo mundo. O livro, produzido manualmente, recria de forma lúdica e visual a história do fruto, da Amazônia, dos maués, e das mãos que produzem o guaraná”. 

Deixe seu comentário: