Plataforma ajuda estudantes a darem "tapa no portfólio"

portifa

“Opa. Tem como dar um tapa no meu portfólio, please?”. Não é tão fácil assim para estudantes e profissionais de criação ingressar em uma agência de propaganda ou mesmo receber orientações sobre os rumos de seus trabalhos. Até há cursos de extensão específicos para a área, que funcionam quase como um pré-requisito para entrar no mercado, o problema é que nem todas as pessoas têm condições de entrar neles, por diversos motivos.

Diante desta percepção, três jovens publicitários decidiram recrutar um time de amigos de profissão para dar uma força aos criativos que querem melhorar o portfólio, e desenvolveram uma plataforma gratuita de colaboração. Assim nasceu o projeto “Tapa no Portifa”, encabeçado por Erick Mendonça, Julia Hodgkiss e Andriws Vilela.

A ideia é que nomes experientes da propaganda doem tempo e conhecimento para orientar quem precisa ‘dar um gás’ na pasta para entrar na agência dos sonhos. Em contrapartida, os orientandos também devem oferecer parte do seu tempo realizando uma boa ação. Vale ajudar alguma ONG, a comunidade local ou causas que precisem de voluntários. Outra opção é ofertar valor em dinheiro para uma das causas do “Vakinha”.

Confira o filme do projeto:

Para se candidatar é preciso enviar um e-mail cumprindo os requisitos de inscrição, entre eles, um texto de apresentação, link do portfólio online e a promessa da boa ação. Após a seleção, cada pessoa terá monitoria garantida pelo período de 90 dias.

A escolha dos mentores e orientandos leva em consideração a trajetória profissional dos orientadores e as semelhanças entre as histórias. Assim, além de estimular a troca de conhecimento criativo, as relações pessoais também são colocadas em pauta. “A ideia é ajudar a dar uma guinada no portfólio e, de repente, ganhar um amigo do mercado”, destaca Erick Mendonça.

No total, o “Tapa no Portifa” entra no ar com 193 orientadores.

 

 

Deixe seu comentário: