“Alerta de textão”: Twitter testa tweets com 280 caracteres

Blue bird

Criado em 2006, o Twitter é famoso mundialmente por ser um microblog que permitia postagens em até 140 caracteres. Porém, depois de estender o limite ao inserir nomes de usuários, a plataforma mantém seu reposicionamento e testa publicações de 280 caracteres com um pequeno grupo de usuários.

Iniciado nesta terça-feira (26), o processo permite que algumas pessoas tweetem em qualquer idioma, exceto, japonês, coreano e chinês. Para esses três idiomas citados, o limite atual de será mantido. Confira abaixo um tweet de Jack Dorsey, um dos criadores da startup, para ver como a mudança pode impactar o sistema de microbloging:


https://twitter.com/jack/status/912886007451676672

O teste acontece justamente após o Twitter ouvir diversos usuários que disseram que, muitas vezes, é difícil encaixar um pensamento completo em um único, sendo necessário passar muito tempo editando o texto ou remover alguma palavra considerada importante. 

Em alguns idiomas, como o japonês, é mais fácil se expressar em poucas letras. Já as pessoas que tweetam em línguas como português, inglês, espanhol e francês, disseram que, muitas vezes, demoram para conseguir se adequar ao limite de caracteres. 

Com base em análise de dados, a expectativa da plataforma é que apenas uma pequena quantidade de interações ultrapassem a antiga limitação, mas que o espaço extra seja muito apreciado por aqueles que precisarem dele. Importante reforçar que é um teste. O Twitter acompanhará a reação dos consumidores durante a experiência. 

Deixe seu comentário: