Copa do Mundo: análise da influência dos convocados nas redes sociais

neymar

Os jogadores da seleção brasileira já estão convocados. E enquanto a Copa do Mundo não começa, a Airfluencers, plataforma que ajuda a encontrar, analisar e gerenciar ações de marketing juntamente com influenciadores, decidiu acompanhar o desempenho dos atletas que compõem a lista de Tite nas redes sociais.

Após o anúncio do técnico, na última segunda-feira (14), os jogadores fizeram postagens em seus perfis oficiais agradecendo pela oportunidade de jogar com a camisa amarelinha. Mas, de acordo com o levantamento da empresa, há quatro nomes que se destacam entre os convocados como grandes influenciadores das redes sociais. São eles: Neymar, Marcelo, Firmino e Gabriel Jesus.

A plataforma analisou cada um dos atletas, por meio de seus alcances, métricas e comparativos entre as diferentes reses sociais.

Neymar

O que ganha em relevância, tanto no Instagram quanto no Twitter, é Neymar Jr. Atuante nas redes sociais por impactar seus seguidores, ele é o que mais gera retweets no Twitter (4,5 mil nos últimos 90 dias), o que representa uma grande influência ao fazer seus fãs nessa rede - 39 milhões - compartilharem seu conteúdo. No Instagram, na comparação entre os outros convocados da seleção brasileira, o jogador é líder na média de comentários: 27 mil, nos últimos 90 dias.

Porém, um ponto interessante detectado pela Airfluencers nesse estudo foi o fato do Neymar ter restringido os comentários nas publicações em seu perfil oficial no Instagram. Ou seja, desde o dia 14 de março, somente quem é seguido pelo jogador nessa plataforma pode fazer comentários em seus posts, o que já impactou seu engajamento. O seu Airfluencers Score (métrica própria da empresa que avalia a qualidade de engajamento de um perfil. As notas variam de 0 a 1000) apresenta queda de 18%, registrando a nota 638.

“Neymar tem seu perfil aberto e é uma pessoa pública. É carismático, popular e ídolo de milhões de pessoas. Ao restringir o acesso de comentários, ele está fechando o diálogo com seus fãs e isso pode provocar o afastamento do público. Ao afetar a interação, consequentemente haverá impacto em sua audiência na rede, por mais força que sua imagem tenha”, comenta Augusto Cruz Neto, CMO da Airfluencers.

Na foto em que agradece a Deus por estar mais uma vez representando a sua nação, ele recebeu 2,6 milhões de curtidas e somente 55 comentários, enquanto os outros jogadores receberam no mínimo 1,4 mil comentários.

Marcelo

Outro jogador que é fenômeno nas redes sociais é Marcelo Vieira (@marcelotwelve). É o único que possui perfil oficial no Instagram, Youtube, Facebook e Twitter e é atuante em todas. Marcelo é o segundo jogador da seleção mais influente do Brasil, atrás apenas de Neymar. No Twitter, possui 10 milhões de seguidores e gera uma média de 1,6 mil retweets. Já no Instagram, ele interage fortemente com sua audiência, gerando uma média de 579 mil curtidas e 2,2 mil comentários. Sua base é de 24 milhões de seguidores, apresenta um crescimento de 9% nos últimos 90 dias. Contudo, seu Airfluencers Score (métrica própria da empresa, que avalia a qualidade de engajamento de um perfil. As notas variam de 0 a 1000) é de 584, mas pode apresentar melhora conforme sua performance nos jogos da Copa, pois as pessoas tendem a interagir mais em suas publicações.

Firmino

Quem vem crescendo e pode se tornar querido no Brasil é Roberto Firmino (@bobbyfirmino). Atacante do time inglês Liverpool, ele tem 4 milhões de seguidores e cresceu, nos últimos 3 meses, 31% no Instagram. Apesar de postar pouco comparado aos demais companheiros - somente 35 publicações nos últimos 90 dias - ele gera uma média 284 mil curtidas e 1,3 mil comentários, feitos por fãs do mundo inteiro: de árabes a americanos. Suas fotos retratam principalmente os bastidores da vida de atleta, incluindo algumas em família, o que gera engajamento e um Airfluencers Score de 932 em crescimento, chegando a uma marca significativamente maior do que a de Neymar, por exemplo.

Gabriel Jesus
Gabriel Jesus está em destaque na publicidade junto os patrocinadores na seleção. Ao agradecer a convocação nas redes ele conquistou quase 815 mil curtidas no post do Instagram e gerou 7.248 mil comentários. Sua base é de 6,9 milhões de seguidores, com crescimento na faixa de 17%. Sua média de comentários é de 1 mil por post, com Airfluencers Score em 778, também acima do craque Neymar. Já no Twitter sua presença é mais branda, com 449 mil seguidores, que geram as médias de 1,2 mil retweets e 12 mil curtidas nos últimos três meses.

Balanço geral

Agora, quem precisa comparecer melhor nos campos virtuais são os jogadores Fred Rodrigues, que apresenta, entre os convocados, a menor base de seguidores no Instagram (131 mil) e gera menos comentários (82 em média). Selecionado para a Copa do Mundo, ele ainda apresenta baixa representatividade no Twitter. Já Renato Augusto é o que menos faz postagens no Instagram. Nos últimos 3 meses fez somente 4 publicações e nenhuma no Twitter.

 

Deixe seu comentário: