Crise de imagem: público critica Avianca em caso de assédio

divulgação

A mais recente crise de imagem está tendo que ser gerida pela companhia aérea Avianca. Nas últimas horas, a cabelereira Vitória Antunes fez alguns posts em suas redes sociais denunciando o assédio que teria sofrido em uma viagem de Belo Horizonte para São Paulo.

Tudo começou quando um homem sentou-se perto dela e passou a se masturbar por cima da roupa. A passageira não apenas protestou no exato momento em que o fato aconteceu, como ainda filmou parte do assedio. Ainda de acordo com o seu relato, e equipe de bordo pouco fez para ajudá-la, restringindo-se apenas a pedir que ambos os passageiros trocassem "gentilmente" de lugar.

Além dos milhares de compartilhamentos e reações no post de Vitória, o conteúdo reverberou até chegar à mídia, sendo abordado por diversos veículos, incluindo o G1, da Globo. Consequentemente a marca passou a ser fortemente criticada nas redes sociais.  

Entre os comentários, havia muita gente reclamando sobre a demora da marca em se posicionar sobre o caso. O fato aconteceu no domingo, mas apenas na última segunda (12), a marca postou um breve comunicado oficial a respeito do assunto.

Deixe seu comentário: