Homem que andou 32 km ganha carro de novo chefe por post no Facebook

dsa

Com a crise econômica e a desigualdade mundial, o desemprego não é só uma realidade nacional, mas um sintoma global. Se no Brasil, milhões de pessoas sonham com o primeiro emprego e se esforçam para cumprir as expectativas, em outras partes do mundo esse anseio também não é diferente.

Famoso por sua riqueza e padrão elevado de vida, o Estados Unidos nos últimos dias também chamou a atenção por um tipo de história que já conhecemos por aqui: a de superação.

A odisseia de Walter Carr

Walter Carr, como muitos casos que conhecemos, é um estudante de 20 que busca colocação profissional. Feliz em ser contratado pela Bellhops, empresa de mudança da região do Alabama, o americano do subúrbio pobre de Birmingham se preparou como podia para seu primeiro dia, mas, sequer os mais pessimistas pensamentos imaginariam o que aconteceria...

Distante 32 quilômetros da casa de Carr, o caminho para a sede da empresa necessitava ser feito de carro, mas o automóvel do futuro colaborador quebrou no mesmo dia e ele se viu obrigado a ir a pé. Durante um caminho percorrido pelas próprias pernas por mais de oito horas, o garoto encontrou diversas pessoas no seu caminho e uma delas mudou o seu destino.

O post de Jenny Lamey

Sem dormir e cansado depois de percorrer uma longa distância, o homem foi resgatado por um policial que o ajudou e o encaminhou até o primeiro endereço de sua agenda de deslocamentos diários que começariam na casa de Jenny Lamey.

Apresentado ao rapaz, a proprietária foi informada de tudo o que aconteceu e ficou surpresa com sua força de vontade. Sem perder tempo, a cliente redigiu uma postagem emocionante em seu perfil no Facebook que, entre outras afirmações, dizia que “Ele andou a noite toda para sair de Homewood e chegar a Pelham. Porque ele precisava trabalhar. Para os que estão lendo isso e não são da região, são 20 milhas".

Confira abaixo o post completo:

O presente de Luke Marklin

Replicada milhares de vezes, a publicação teve um alcance gigantesco e foi manchete nos jornais locais. Surpreso com o ocorrido, até Luke Marklin, CEO da empresa, tomou conhecimento do que o seu funcionário fez para se tornar parte da equipe e também ficou comovido.

Impressionado com a odisseia trabalhista, o dono da transportadora ficou tão sensibilizado que gratificou Carr com o seu próprio automóvel, um Ford Escape 2014. Realizado com a presente, o resignado trabalhador ganhou capas de jornais como o Washington Post e mostrou para o mundo o poder da determinação e como simples postagens em redes sociais têm uma amplitude incalculável.

Confira abaixo a emoção do jovem ao sabor do presente que ganharia de Marklin:


Fonte: CBS

Deixe seu comentário: