Startup de impressão 3D inicia projeto de construção civil

das

Como uma alternativa interessante para os problemas de moradia que afetam diversas partes do Brasil, uma startup nacional enxerga na impressão 3D uma alternativa de melhorar --ou amenizar-- essa situação.

A InovaHouse3D acaba de anunciar um projeto na área da construção civil paras a impressão de casas em microconcreto de manufatura. Tido como um desafio, a principal dificuldade hoje é imprimir uma parede inteira dessa forma. Até o momento, a máquina que a empresa dispõe tem a capacidade de reproduzir apenas artigos de decoração, podendo auxiliar na construção civil, mas para construir uma casa inteira é preciso que a máquina, atualmente com dois metros de altura, seja aumentada.

Ainda não há uma estimativa do quanto custaria uma reformulação desse tipo, mas já é comprovado pela empresa que a tecnologia já tem potencial de ser 20% menos custosa do que a construção civil tradicional, e que em médio prazo poderá reduzir custos em até 40%.

Ainda há obstáculos diante da novidade, como a competitividade de empresas gringas e a segurança dessas casas, uma vez que elas ainda não foram comercializadas, mas ainda assim a startup parece ter grandes chances em território nacional e pretende possibilitar a impressão de uma moradia completa até 2019.

Deixe seu comentário: