ABAP, APRO e APROSOM promovem reunião para profissionais

Objetivo foi apresentar o formato do III Fórum da Produção para os profissionais das agências de publicidade

A ABAP – Associação Brasileira das Agências de Publicidade, a APRO – Associação Brasileira da Produção de Obras Audiovisuais e a APROSOM – Associação Brasileira das Produtoras de Fonogramas Publicitários promoveram na manhã desta segunda-feira, 22, um encontro de profissionais de atendimento e RTVCs das agências e empresários do setor de produção audiovisual de São Paulo.

A reunião de trabalho, realizada no Centro Brasileiro Britânico, na capital paulista, foi capitaneada por Luiz Lara, presidente da ABAP, Leyla Fernandes, presidente da APRO, e Kito Siqueira, presidente da APROSOM e contou com a presença de mais de 80 profissionais de agências e de produtoras de som e imagem. A iniciativa teve por objetivo a apresentação do formato do III Fórum da Produção Publicitária e dos novos procedimentos na contratação de elenco.

O III Fórum da Produção Publicitária tem o objetivo de pactuar e modernizar, com o tripé anunciantes–agências–produtoras, algumas das atuais regras do mercado publicitário. Este evento será realizado em breve, também em São Paulo.

“A ABAP apóia mudanças nas regras porque entende que o único caminho para garantir o brilho de uma grande idéia é a qualidade de sua execução. Por isso agências e produtoras de audiovisual e de som estão juntas na busca de novos procedimentos e de melhores práticas que realcem a criatividade brasileira dentro de uma realidade de custos compatível com a remuneração do nosso talento” afirma Lara, presidente da ABAP.

Para Leyla Fernandes, presidente da APRO, as negociações demonstram uma amadurecimento expressivo das associadas da entidade. “Precisamos agir em prol da manutenção da boa qualidade dos serviços que prestamos, para a valorização do talento brasileiro não apenas na produção, mas também da criação nacional”, explica Leyla.

Já Siqueira, presidente da APROSOM, acha que a reunião de trabalho desta segunda-feira foi muito importante para que sejam evitados alguns desvios na condução da relação entre anunciantes, agências e produtores. “As novas regras irão beneficiar todo o mercado”, acredita.

 

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Post anterior

Telefônica Sonidos Festival Mundo Latino terá ação mobile

Próximo post

Agências digitais faturaram mais de R$ 1,5 bilhão em 2011

Posts Relacionados