As visitas ao Museu da Língua Portuguesa, localizado na Estação da Luz, no Centro de São Paulo, voltaram aos poucos a serem marcadas. Nesta última quinta-feira, dia 12 de março, as visitas educativas guiadas ao Museu retornaram, após um grave incêndio que tomou conta do prédio, em 2015.

A iniciativa parte do Governo do Estado de São Paulo, e a Fundação Roberto Marinho para a reconstrução do Museu da Língua Portuguesa. Ainda que aos poucos, a previsão é que o museu volte a ser aberto novamente a partir de junho de 2020, em um custo de R$ 81 milhões.

Diversos projetos se iniciaram ao redor da volta das excursões. O programa educacional “Escola, Museu e Território” vai fazer com que os professores, alunos e os moradores dos bairros próximos à Luz, possa ver a reconstrução de todo o local até a data de sua reinauguração.

Outra ideia para a visitação ao Museu é o projeto “Meio Andante” que leva os convidados a uma caminhada para conhecer a região, e os pontos históricos ao redor do prédio.  A instituição também já planejou, e definiu as visitas para o público em geral, será realizada apenas uma vez por mês, nos sábados até junho.

Para as escolas, serão permitidas as visitações nas quintas, até o dia 28 de maio, com a entrada gratuita e agendada pelo site. Os alunos do programa EJA (Educação de Jovens e Adultos) também poderão realizar a visita nas mesmas datas, com o mesmo processo.

Ao público geral, as visitas estarão permitidas somente nos dias 28 de março, 25 de abril e 30 de maio, no horário das 9h às 12h com a entrada gratuita, porém, serão distribuídas senhas com uma hora de antecedência da abertura das visitas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdEducation

+ Ver mais

Quarentena ocasiona overload de cursos gratuitos

por Nicole Fanti Siniscalchi

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald