Na ûltima quarta-feira, (30), o TIDAL, plataforma de streaming de música e entretenimento, e a operadora de celular Vivo reuniram artistas da cena jovem em uma experiência única, com a cantora Lexa e o cantor pop DAVI. O agito aconteceu no Cine Joia, em São Paulo. Além da dupla, TIDAL X HITS também recebeu DJs sets da Batekoo, um dos principais coletivos culturais e LGBTQIA+ do Brasil e da DJ Lily Scott, figura fundamental da cena pop paulista.

A cantora Léa Cristina Lexa Araújo da Fonseca, mais conhecida como Lexa, iniciou a sua carreira se apresentando em bailes funk do Rio de Janeiro e ganhou projeção nacional com seu primeiro single, a canção “Posso Ser”, lançada em dezembro de 2014. A canção se tornou uma das mais executadas nas rádios brasileiras em 2015. Em setembro de 2015, a cantora lançou seu álbum de estreia, intitulado Disponível, que gerou cinco singles: “Posso Ser”, “Para de Marra”, “Disponível”, “Pior que Sinto Falta” e “Fogo na Saia”. Em 2018, a cantora atingiu reconhecimento com o single “Sapequinha”. A canção foi incluída no EP “Só Depois do Carnaval” (2019), que também contém a faixa-título e uma colaboração com Gloria Groove intitulada “Provocar”.

Já o cantor DAVI, ex integrante da Banda Uó, conta com números de respeito no Youtube e desponta no cenário pop com o seu primeiro álbum em carreira solo. O single “Ritual” tem como foco uma história de amor contemporâneo e conta com uma essência mística. Após oito anos na Banda Uó, os fãs podem reconhecer o cantor em uma nova roupagem, própria e especial, que falar sobre as suas composições e vivências.

A ação conjunta está alinhada a estratégia das marcas de firmar relacionamento e proporcionar novas experiências a seus clientes. Levar música e entretenimento é sempre uma grande oportunidade de criar engajamento com público. Como resultado, o TIDAL disponibilizou todo o conteúdo do evento na plataforma de música para os seus assinantes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald