O Brasil é um dos países que mais se destaca no meio das propagandas, já que esta é uma indústria bem estabelecida influenciando os brasileiros terem um estilo de vida consumindo os principais produtos da indústria brasileira e das grandes empresas globais.

As propagandas podem ser vistas tanto sob um aspecto negativo como positivo. No negativo é o excesso de consumismo no qual podem trazer até mesmo prejuízos para a saúde se descontrolado. No positivo é movimentação da economia e também a geração de empregos.

Os dois principais grupos que recebem os focos das propagandas são as crianças e os adolescentes já que eles são mais influenciáveis e querem comprar tudo o que veem. As redes sociais nesse sentido estão trazendo diversos impactos para essa faixa da população brasileira.

Já que os influenciadores digitais, no caso desse público principalmente os Youtubers, são patrocinados por marcas e estão sempre apresentando vários produtos e serviços diariamente mostrando um estilo de vida difícil de ser alcançado por grande parte da população brasileira.

Esses produtos de conteúdo em vários casos postam diariamente novas tendências e opções de compras, fazendo com que o seus público seja mais consumista e busquem ter os mesmos produtos para se sentirem que fazem parte de uma vida mais legal e mais descolada.

Esse conceitos de vida vão de encontro com a realidade brasileira, principalmente, nos últimos 5 anos com a crise econômica que deixou uma boa parcela de população desempregada. Ou seja, o que se vê nas telas não se reflete o que se vê na vida das pessoas comuns.

As propagandas e as suas mensagens na atualidade

As propagandas também devem apresentar uma mensagem forte, na qual vão deixar bem claro com poucas e boas imagens, textos e vídeos o que querem expressar. Em alguns casos isso é bem sucedido e em outros nem tanto.

Há várias propagandas que podemos chamar de controversas, mas mesmo quando elas apresentam um efeito negativo, devido as redes sociais, elas acabam viram tópicos tendências pois todo mundo acaba falando sobre elas.

As propagandas também estão mudando já que a sociedade está em constante alteração, hoje elas precisam trazer temas mais pesados e mostrar uma maior abertura de pensamento.

Antigamente, homens e mulheres tinham papeis bem estabelecidos dentro da sociedade, hoje isso já mudou. Há também uma maior consciência sobre as questões de minorias de forma a fazer com que as propagandas sejam mais inclusivas e tragam mais valores associados aos seus produtos.

Estilo de vida minimalista e zero waste X conservação do meio ambiente

Um outro impacto importante das propagandas, a qual leva ao consumismo exagerado é o lixo. Hoje, em todo o mundo há um grave problema com a quantidade de lixo que se é produzido diariamente, poluindo o meio ambiente e trazendo vários problemas para os diferentes ecossistemas. Por isso, há também uma onda contrária a esse consumismo e às propagandas que promovem este estilo de vida de ostentação. São vária as pessoas que estão optando por uma estilo de vida minimalista, onde se compra menos e com mais qualidade com o intuito de conservar o meio ambiente em todo o processo de produção de bens de consumo.

Por Bruno Tavares – Pixel Project

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald