A forma que os clubes brasileiros de futebol trabalham, seja diretamente com os torcedores ou então com os patrocinadores, está relacionada com o público que atinge. Por isso, é cada vez mais comum ver os times investindo em redes sociais e produtos online. O objetivo é chegar no máximo de fãs possíveis, algo que é complicado. Flamengo e Corinthians, as duas maiores torcidas do Brasil, sofrem para cumprir tais metas e acabam tendo um aproveitamento inferior aos outros rivais.

Uma pesquisa divulgada no início de setembro mostrou que a equipe rubro-negra continua tendo a maior torcida do país. Cerca de 20% das pessoas que acompanham futebol torcem para o Flamengo, enquanto o Corinthians fica com 14%. Outros clubes populares, como São Paulo, Palmeiras e Vasco, não passam dos 8%. Isso mostra que a competitividade da equipe ajuda a aumentar, ou a manter, o número de torcedores.

Desde 2016, a equipe carioca tem conseguido montar bons elencos e isso significa resultados positivos dentro e fora dos gramados. A vantagem contra os paulistas aumentou em cerca de 2%, se comparado com anos recentes. Porém, conseguir atingir todos esses fãs é tarefa complicada. O Flamengo fatura apenas R$ 4,75 por torcedor, enquanto o Corinthians não passa dos R$ 3,85. Ou seja, os dois times com mais torcidas estão entre os piores em faturamento por indivíduo.

Uma forma de mudar isso é com a internet, já que as redes sociais têm conseguido aproximar os torcedores. São canais de vídeos ou perfis em páginas como o Facebook e o Twitter. Porém, para isso funcionar, é essencial conseguir resultados nos torneios. Esse é um dos motivos que faz entender o fato do Flamengo ter crescido tanto nos últimos dois anos, enquanto o Corinthians apenas se manteve com a mesma percentagem.

Futuro rubro-negro

Olhando os resultados desta temporada, é simples imaginar que o Flamengo deve ganhar cada vez mais espaço. A análise de dicas de apostas para a Série A do Brasileirão mostra que a equipe carioca tem grandes chances de terminar o ano com o título nacional. Já o Corinthians, que não vive bom momento financeiro, não deve entrar na disputa. Isso significa mais do que títulos em campo, mas também um sucesso entre os torcedores.

Atualmente, o Timão possui a maioria dos torcedores, cerca de 25%, na faixa dos 24 a 34 anos. Enquanto o Flamengo domina uma faixa um pouco mais jovem. Isso mostra que, teoricamente, a torcida carioca tem maior tendência de crescimento. Conseguir alguns títulos deve até aumentar esse processo. Por esse mesmo motivo, os dois clubes mantém uma distância contra os outros rivais tão populares.

É impossível dissociar os investimentos em propaganda, marketing e outras ações com o número de torcedores. O impacto desses movimentos, que envolvem grandes clubes, sempre vai ser maior. Por isso, os diretores e dirigentes precisam ficar cada vez mais atentos para estes números, já que todos podem aprender com isso. A oportunidade de conseguir melhor rendimento com os torcedores é algo palpável, principalmente para o Flamengo e para o Corinthians.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald