Como parte do compromisso estratégico da marca em prol da diversidade, inclusão e empoderamento feminino, a Avon – marca líder em maquiagem no Brasil,  reforça seu compromisso com a diversidade e patrocina pela primeira vez em sua história a Parada do Orgulho LGBTQ+ de São Paulo, tido como uma das maiores manifestações sociais pela luta de direitos humanos do mundo, marcada para acontecer no dia 23 de Junho, na Avenida Paulista.

 A marca chega com trio elétrico próprio, comandado por celebridades do cenário LGBTQ+, esquenta com imprensa e convidados, telão interativo e infláveis gigantes, além de faixas, stickers e muita festa para o público do evento.

 Como a única marca de beleza no hall de patrocinadores do evento, a Avon estreia na Avenida paulista às 14h em frente ao Masp, com Gloria Groove, Aretuza Love, Luísa Sonza e MC Pocahontas encarregadas da música. A diversão do público fica por conta de faixas de Miss que serão distribuídas durante o evento, que trazem frases características da comunidade e são tratados com orgulho, como por exemplo “Rainha da Parada”, “Trans Power a” e “Bem Bi” “Sapabonde” e “Poczinha”, acompanhadas pela hashtag #IssoÉOrgulho.

 “Acreditamos que as grandes corporações têm um papel muito importante na mudança da sociedade. No setor de beleza, refletir a diversidade da brasileira é dar voz e representatividade, é ser consciente e responsável, quando consumidor se sente representado, ele se sente respeitado. Os princípios-base da Avon incluem o respeito aos direitos e se aplicam a todos. O ato de democratizar a beleza está intimamente ligado à ideia de oferecer oportunidades iguais, de forma justa e responsável a todos, revendedoras e consumidores, está nos valores e na essência do negócio. Por isso, estereótipos desafiadores estão no centro de muitas de nossas ações e vamos continuar trabalhando para promover representações positivas de pessoas LGBTI+ na maneira como fazemos negócios também”, comenta Danielle Bibas, vice-presidente de marcas, comunicação e cultura corporativa da Avon.

 A 23ª edição da Parada do Orgulho LGBT fará uma homenagem aos 50 anos da rebelião de Stonewall, um marco para o movimento LGBTI+ por ter sido a primeira vez que a comunidade LGBT se juntou para resistir aos maus tratos e violências sofridos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald