A Fini, empresa líder no segmento de balas de gelatina no Brasil, patrocina e marca presença na terceira edição do Hip Hop District, um dos maiores festivais do gênero da América Latina, que acontece de 1 a 5 de maio, em Jundiaí, SP. A marca oferece a todos os participantes do evento expectativa de receber cerca de 30 mil pessoas um espaço exclusivo para vivenciar a experiência com a marca, repor as energias e vivenciar aulas no Palco Fini com importantes profissionais do segmento.

De acordo com Fábio Boatto, Gerente de Canais Especiais da Fini, o patrocínio ao evento tem o objetivo de apoiar e incentivar o desenvolvimento sociocultural com uma programação diversa e gratuita, além de levar experiência, proximidade e vivência com a marca. “Sempre dizemos que com Fini é possível transformar qualquer momento e torná-lo ainda mais especial. A vivência com a dança também tem esse poder transformador, por isso que eventos como o Hip Hop District são fundamentais para nós, pois acreditamos na importância de reforçar, valorizar e apoiar iniciativas como essa” explica.

O Hip Hop District é conhecido entre seu público pelo alto nível dos professores  convidados a cada edição para ministrar aulas e workshops. Nesta edição, mais de três mil participantes são esperados, vindos de diversos lugares do país. O público geral deve ultrapassar as 30 mil pessoas ao longo do evento. Durante todos os dias, sempre a partir das 17h30, a população poderá assistir às apresentações e competições mediante a doação de 1 kg de alimento não perecível. Antes, o evento tem atividades exclusivas para profissionais e pessoas interessadas nas danças urbanas.

Agenda:
Data: 1 a 5 de maio de 2019
Local: Parque da Uva – Av. Jundiaí, s/n – Anhangabaú, Jundiaí – SP, 13208-051
Como participar: Doação de 1 kg de alimento não perecível
Programação: a programação completa do Hip Hop District 2019 e detalhes sobre apresentações e competições devem ser conferidos no site.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald