Em quase dois anos de atuação, a Plataforma vem se consolidando como base de pesquisas e auxílio para marcas. Uma vez que conhece o consumidor brasileiro, fornece dados com as características comportamentais e de consumo da sociedade, além de tratar de diferentes esferas como a relação dentro de casa, questões voltadas para a comunidade LGBTQIA+, universo gamer, inclusão, assuntos comportamentais e de educação, entre outros. Tudo isso através de diferentes formatos como podcast, artigos, estudos, pesquisas, infográficos webséries e vídeos. Confira a entrevista completa com Mariana Novaes, gerente de marketing corporativo da Globosat:

Fale um pouco da plataforma e sobre o novo posicionamento do grupo globo. 

 A Plataforma Gente foi lançada há um ano. É uma plataforma de dados e insights, com o propósito de ser o fornecedor de dados para ajudar as pessoas, marcas, o mercado audiovisual e quem tiver interesse em novas ideias. 

Queremos que esses insights sejam relevantes para novas estratégias e para as marcas se posicionarem. Ela nasce desse lugar, que acreditamos ter lastro e relevância, porque sabemos que o bombardeamento de informação e a transparência são assuntos cada vez mais importantes no posicionamento da marca. 

Quando olhamos nossa trajetória, vimos que temos mais de 25 anos de estudos sobre o brasileiro, com dados tanto qualitativo quanto quantitativos e o Gente vem para compartilhar e não guardar na gaveta. Hoje conseguimos ser um fornecedor de dados. 

Com a mudança da internet e a cada minuto uma geração diferente aparece, qual a estratégia a ser usada? 


Desde o lançamento da plataforma, tínhamos uma premissa de querer participar das jornadas de vida das pessoas com as informações que temos guardado. Se olhar a plataforma hoje, temos formatos multimídias que se complementam, podendo fazer parte da vida da pessoa, dependendo do momento que ela quer conseguir aquilo. 

Se você tem um tempo maior e quer ler o estudo mais robusto, você pode fazer um download que gera um PDF. Se está indo correr, temos o podcast. Se tem uma reunião e quer ampliar seu repertório, temos infográficos e artigos. Também estamos chamando profissionais do mercado para escrever dentro da plataforma, com textos mais opinativos. Além do audiovisual, vídeos que também complementam aquela informação. 

 Então, para se adequar, temos que olhar para o consumidor, analisar o que ele tem interesse e como podemos fazer parte da vida dele de uma forma orgânica. Dentro desse cenário, a solução que encontramos é ter formatos multimídia.

E em relação as outras comunidades crescendo? 

Temos um estudo feito em 2018, que é um dos mais acessados, o “Respeito às Diferenças”. Esse material apresenta um panorama da diversidade brasileira e, a partir dele, buscamos olhar a diferença com um outro viés. A partir do conteúdo de “Respeito às Diferenças”, produzimos três séries em 2019 sobre a temática abordada que incluí: um material sobre a mulher (Travessia), um conteúdo referente ao tema  LGBTQIA+ (Sobre Vivência), e uma série sobre a nova masculinidade (Qual é o Caminho). Estamos sempre em busca de espaços para dar voz às pessoas.

Nós trazemos as pessoas para a conversa e queremos que elas discutam a partir do material que produzimos para a Plataforma. Em novembro temos uma ampla estratégia em prol do mês da consciência negra, incluindo diferentes formatos.

Qual a estratégia de marketing da plataforma? 

A nossa estratégia, como Plataforma Gente, é fazer com que percebam que somos um fornecedor de dados para gerar insights para as marcas. E temos feito isso conectando o mercado, pessoas chaves e os institutos de pesquisa, que são os grandes especialistas. Ao longo dos anos a Globosat sempre desenvolveu estudos que não eram compartilhado e demos início a isso.

A primeira estratégia é de ter um produto que atenda a demanda das pessoas, não adianta ter um estudo incrível se não estamos indo no que interessa. E o outro olhar de Gente é buscar quem está fazendo, então, quando buscamos temáticas sociais, temos que unir quem está na ponta com os especialistas em comportamento. Acredito que esse seja o mix ideal para ter uma estratégia de marketing que seja algo consistente.  

Mais um complemento? 

O nosso objetivo é compartilhar conhecimento. Desde que foi lançada, a Plataforma tem uma média de 170 conteúdos publicados, divididos em múltiplo formatos. Mensalmente enviamos uma newsletter para a nossa base, para aqueles que se cadastraram para receber esse material, e assim conseguimos conhecer melhor nosso público e adequar o conteúdo produzido de acordo com os interesses dele. Dessa maneira estruturamos os nossos dados e temos obtido um excelente retorno do mercado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald