O Spotify lançou uma campanha semana passada, (9), em que o anúncio incentiva os usuários a “dançar como se ninguém pagasse”. A ilustração pede que os proprietários de uma conta do Spotify Premium paguem gratuitamente por 30 dias e foi compartilhada pelo produtor musical Blake Morgan no Twitter.

A mensagem tem sido criticada tanto por criadores como por defensores da propriedade criativa, que repreendem o Spotify por parecer desrespeitoso aos artistas e pelos trabalhosos esforços necessários para produzir música de qualidade antes mesmo de ganhar qualquer coisa com isso.

“Tenha em mente que são necessários 380 mil transmissões por mês no Spotify para um artista ganhar salário mínimo”, escreve Morgan. “Enquanto isso, o funcionário da Spotify ganha US $ 14 mil por mês.”

Outros músicos retweetaram a fala de Morgan, alegando que o Spotify também poderia ajustar o slogan para: “Dance como se ninguém fosse pago pelo Spotify”. Um usuário do Twitter aponta que a equipe de publicidade que criou o anúncio teria sido “paga mais do que a grande maioria dos artistas no Spotify”.

A plataforma ainda não se pronunciou. Confira abaixo alguns tweets:


 

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald