A campanha da Oi, assinada pela NBS, foi a mais visualizada no YouTube Brasil no mês de julho e conquistou o primeiro lugar no Ads Leaderboard, ranking mensal que destaca os vídeos publicitários mais assistidos na plataforma de conteúdo. O filme reúne os garotos-propagandas e atletas patrocinados da Oi: Marcos Mion, Whindersson Nunes, Júlia Rabello, Gabriel Medina e Filipe Toledo para apresentar a Joice, a Inteligência Artificial da operadora.

 

 

“A Oi criou uma Inteligência Artificial que tem uma personalidade com diversos atributos da sua marca. A Joice é versátil, fácil de se relacionar e rápida nas respostas. Ela faz parte da estratégia da companhia de colocar o cliente no centro de seus serviços para garantir sempre a melhor experiência. A nova campanha apresenta a Joice com o bom humor característico da comunicação da Oi, que também reflete na sua personalidade. E o resultado evidencia que todo o movimento que estamos fazendo através de amplo trabalho de pesquisa está no caminho certo”, afirma Alessandra Issa, diretora de Comunicação de Marketing da Oi.

Para criar o ranking, o YouTube utiliza um algoritmo que mapeia as visualizações orgânicas e as promovidas pelas marcas, além da taxa de visualização, das campanhas nacionais e internacionais, com compra de mídia no Brasil.

“O Youtube Ads Leaderboard não é só um resultado de mídia e sim um algoritmo que avalia a relevância do conteúdo para a audiência. E a nossa meta da nossa parceria é ser cada vez mais relevante para o consumidor falando o que a marca precisa falar do jeito que a audiência quer ouvir”, explica Arthur Pires, diretor de Criação da NBS.

A campanha da Joice reforça a estratégia de transformação digital da Oi, que tem como foco aprimorar a eficiência operacional e oferecer soluções para facilitar e simplificar o relacionamento com o cliente, garantindo uma experiência de qualidade nos seus principais canais de atendimento. Assista agora: 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald