Chinês planeja cardápio de cachorros em campanha da DM9

Vídeo polêmico criada para AMPARA Animal quer conscientizar sobre adoção

Curioso pensar que uma população como a brasileira, que se choca com a cultura gastronômica de países asiáticos – costumados a introduzir cães em seus cardápios – é a mesma que, muitas vezes, opta por comprar filhotes de raça ao invés de adotar um cãozinho ou gatinho abandonado.

E, para chamar a atenção para esta situação, a DM9DDB assinou um vídeo provocativo no Youtube, chamado Carne de Cachorro. A ação criada para a AMPARA Animal pretende conscientizar as pessoas desse fato, fazendo um paralelo entre os cães abandonados do Brasil com os cães que viram comida na China. Afinal, o descaso é o mesmo: os cães que não são adotados, cedo ou tarde acabam morrendo ou passam anos em abrigos a espera de um lar.

O vídeo polêmico apresenta um fictício chef chinês que, em sua língua nativa, apresenta cães de lares adotivos brasileiros. Na legenda, o discurso apresenta sua luta para criar uma lei que transfira os cachorros órfãos a seu país de origem a fim de virar comida em seus restaurantes.

No final do filme, o chinês revela que o texto era falso e indica o vídeo com a legenda correta. Este segundo sim, conta a história dos cães órfãos e fala da importância em dar um lar a estes animais.

O grande objetivo é mobilizar as pessoas sobre a importância da adoção, o comércio só faz com que cada vez mais cachorros e gatos passem a vida toda nas ruas e, quando tem sorte, em abrigos.

Ficha Técnica

Agência: DM9DDB

Cliente: Ampara Animal

Campanha: Carne de Cachorro

Direção de Criação: Marco Versolato

Redação: Gustavo Tasselli, Ricardo Salgado

Direção de Arte: Bruno Trad, Francis Alan

Atendimento: Marcelo Passos, Tania Pena, Julia Wald

Mídia: Adrian Ferguson, Renan Mitio, Camila Ferreira de Carvalho, Thais Ferreira Abreu

RTV: Fabiano Beraldo, Patrícia Silveira

Produtora digital: Trio

Produtora de áudio: Trio/Manimou Coletivo

Direção: Manimou Coletivo

Redação Adnews

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior

Transgênero é protagonista de novo vídeo do Google

Próximo post

20 campanhas que devem ganhar Leão em Cannes

Posts Relacionados