Grafites de SP perdem os seios em ação contra o câncer

Avatar
Papel do tipo lambe-lambe foi utilizado para criar tal efeito. Criação é da JWT para o A.C.Camargo Cancer Center
Grafites espalhados pela cidade de São Paulo que retratam o nu feminino são os novos aliados da Liga do Rosa, movimento lançado pelo A.C.Camargo Cancer Center com foco na conscientização sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. Com o conceito criado pela agência JWT, a campanha “Tinta contra o câncer” fez uma "mastectomia" nos desenhos.
 
Os artistas que produziram os grafites cederam seus trabalhos para uma intervenção urbana que faz alusão à cirurgia de retirada do seio. Um papel tipo lambe-lambe foi colado sobre as atres, dando um efeito parecido com o da cirurgia. 
 
Cada um dos grafites inseridos na ação, situados em trechos de grande circulação e redutos da cultura paulistana como a Praça da República, Rua Luminárias, Avenida Ataliba Leonel, dentre outros, recebem a assinatura "Qualquer mulher pode ser vítima do câncer de mama", acompanhada de dizeres relativos ao movimento "Outubro Rosa" e da hashtag #LigaDoRosa.  Embora seja uma ação de rua, a campanha ganhou força nas redes sociais com a replicação das imagens na web e a disseminação do vídeo-case.
 
Além de abordar a importância da prevenção e alertar para o diagnóstico precoce da doença, a proposta desta campanha, ao retratar a mastectomia, é mostrar que a retirada do seio está longe de representar a perda da feminilidade e do amor à vida. “Uma cicatriz no mesmo lugar onde antes estava um seio não representa uma derrota e sim a confiança em superar a doença. Toda mulher em tratamento é uma guerreira, pois seu foco é lutar pela vida”, destaca a cirurgiã oncologista e diretora de Mastologia do A.C.Camargo, Maria do Socorro Maciel.
 
De acordo com o CCO da agência JWT (Chief Creative Officer), Ricardo John, o fato de o grafite ser uma arte muito presente na cidade, pode contribuir para conscientizar um grande número de pessoas, além das mulheres. “Por dialogar com todo o tipo de público, a campanha pode atingir também aos adolescentes e aos homens que, no papel de filhos, namorados, pais e maridos, podem ajudar a influenciar na conscientização e prevenção da doença”, destaca. 
 
LIGA DO ROSA – Criada em 2012 pelo A.C.Camargo, a Liga do Rosa tem objetivo levar informação qualificada para as mulheres de todas as idades e, ao mesmo tempo, homenagear as heroínas anônimas que possuem uma rotina agitada em razão da atuação no mercado de trabalho e no seu lar, dedicam momentos de sua vida para zelar pela própria saúde, dos seus filhos e do marido por meio do incentivo à adoção de hábitos de vida saudáveis como alimentação equilibrada e prática de atividade física. Para isso, criou quatro heroínas que usam os seus superpoderes de mulheres comuns no combate ao câncer de mama e que juntas formam a  Liga do Rosa. A superprofissional, a supermãe, a superesportista e a superconectada são as estrelas. “Estas heroínas são instrumentos para a disseminação de informações em casa, no ambiente de trabalho e nas mídias sociais”, destaca a Superintendente de Marketing do A.C.Camargo, Adriana Seixas Braga. 
 
O câncer de mama é o mais incidente na população feminina. No Brasil, segundo dados do Instituto nacional do Câncer (INCA) são estimados 52.680 casos novos da doença em 2013. A boa notícia é que, diagnosticado precocemente, as chances de cura do câncer de mama superam os 90%.
 
Confira:
 
FICHA TÉCNICA: 
Agência: JWT
Cliente: A.C.Camargo Cancer Center
Atendimento: Yves Rodrigues, Fábio Bastouly
Título:  Tinta Contra o Câncer
CCO: Ricardo John
Head of Art: Fabio Simões
Diretor de Criação: Hernan Rebalderia  e  Santiago Dulce
Redator: Lucas Tristão 
Diretor de Arte: Filipe Cuvero, Brunno Cortez 
Diretora de Produção Agencia: Marcia Lacaze
Produtora agencia: Fafa Oliveira
Produtora Filme:  Bando
Diretor:  Pedro Gomes
Produtora de Som:  Shuffle  Áudio
Aprovação cliente: Irlau Machado, Adriana Braga, Luciana Del Nero, Danielle Lago
 
Redação Adnews
Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior

Você é sua melhor marca

Próximo post

Marcelo Rezende erra e chama “Jornal Nacional” na Record

Posts Relacionados

Por favor, desabilitar Adblock para visualizar conteúdo do site.