Estamos tão acostumados a viver na web 2.0 que até mesmo uma criança sabe interpretar os diferentes signos da internet. A imagem de uma carta representa o e-mail, a logomarca do Youtube já nos indica a visualização de vídeos, entre outros exemplos que representam serviços tão significativos na web.  

Agora, se nos voltarmos ao mundo offline, estes serviços serão encontrados? Saberemos interpretá-los? Essa foi a experiência do artista italiano Biancoshock, que criou o projeto "WEB 0.0 – Internet In Real Life".

A ideia foi cruzar os dois mundos ao aplicar ícones de plataformas e redes sociais em mobiliários urbanos de uma aldeia italiana com cerca de 400 habitantes. Dessa forma, Twitter virou banco de praça, Gmail virou caixa de correio e wetransfer virou caminhão de transporte.

Confira abaixo:

Redação Adnews

Deixe seu Comentário

Leia Também

Especial Google

+ Ver mais

Quer falar com mulheres? Olhe para os dados, não para os estereótipos

por Artigo de Kate Stanford, diretora global de marketing e publicidade no Youtube

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald