O Sindicato das Agências de Propaganda do Estado de São Paulo, o Sinapro-SP, irá festejar seus 70 anos de atuação no próximo dia 31, quinta-feira, quando a entidade reunirá representantes do mercado para comemoração, além de lançar oficialmente o livro que traça um apanhando destas sete décadas.

Antes do evento, o Adnews bateu um papo com Geraldo de Brito, presidente do Sindicato.

Desafios atuais e conquistas do passado

Hoje, segundo de Brito, um dos desafios do Sinapro-SP é tornar as empresas filiadas ainda mais fortes. "Como unidade representativa, nosso papel é fortalecer o conceito de agência de propaganda", diz.

Para o presidente, o modelo de agência brasileira segue forte, o problema e principal questionamento é a remuneração destas agências. Entretanto, se a gestão financeira for bem regida, diz de Brito, é possível cobrar "um valor justo pelo seu trabalho".

Fundado em 1943, quando o mundo enfrentava a 2ª Guerra Mundial, o Sinapro-SP foi resultado da união de 12 agências com ideais em comum. Desde então, atua em três frentes: jurídica, financeira e educativa.

Para o presidente, cujo mandato segue até 2014, a entidade possui diversos êxitos durante sua existência e uma das grandes "brigas" para o futuro será por uma maior redução do ISS (Imposto sobre Serviços) na capital.

Além disso, uma maior integração com o interior do Estado também está nos planos. Outro sonho da atual gestão é criar um departamento de estatística. “Ter informações econômicas, como, por exemplo, ‘Como a agencia está ganhando dinheiro?’ Quero fazer um grande balanço, grandes diagnósticos”, revela.

O que as agências procuram?

Em relação às demandas, a maior delas ainda é o auxílio jurídico que o Sindicato oferece. A ajuda quando o assunto são as "questões trabalhistas", segundo o presidente, também é outro ponto bastante procurado pelas agências.

Para as que ainda não fazem parte do Sinapro, o presidente lembra que a filiação contribui para o fortalecimento da entidade, além de, é claro, dar acesso aos serviços exclusivos, como assessoria jurídica, por exemplo.

Em relação à festa de quinta-feira, de Brito ressalta a homenagem aos principais advogados da entidade, Paulo Gomes, João Carlos Gambôa e Helena Zóia. Além disso, o livro “Desafios e conquistas das agências de propaganda”, assinado por Antoninho Rossini, será oficialmente lançado e distribuído.

Por Leonardo Araujo