Vídeo mostra mundo sob a perspectiva de uma criança autista

Campanha da The National Autistic Society combate preconceito contra pessoas com o transtorno

A falta de informação é um dos fatores que geralmente leva as pessoas a agirem de forma preconceituosa. Isso vale para orientação sexual, religião e até para patologias. Pessoas com autismo sabem muito bem disso. Uma das principais características do transtorno é justamente a dificuldade de comunicação e interação, o que pode piorar ainda mais a percepção das pessoas com relação ao autismo.

Colocar-se no lugar do outro pode ser o primeiro passo para acabar com qualquer tipo de preconceito e como a empatia é um dos exercícios mais escassos nos últimos tempos, vale aproveitar os recursos visuais e a criatividade para tentar despertar a sensibilidade das pessoas.

É o que faz a organização britânica The National Autistic Society no filme "Can you make it to end?" ("Você pode fazer isso até o fim?", em tradução livre do inglês). O filme em primeira pessoa mostra da perspectiva do autista como um simples passeio pelo shopping pode ser algo incômodo. A provocação que intitula o vídeo é justamente a sua proposta, de que o espectador se coloque no lugar de um menino e tente ir até o final.

O objetivo da campanha é mostrar como as pessoas autistas não são apenas irritadas ou intransigentes, como muita gente pode supor, mas apenas tem um mundo muito particular, inteiramente seu e intensamente espetacular que deve ser respeitado acima de tudo.

Confira o filme:

Redação Adnews

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Previous Post

Retargeting por comportamento é alternativa para fugir da crise

Next Post

Cachaça 51 faz placement em nova série da Netflix

Related Posts