A MediaMath, líder mundial em marketing programático, anunciou nesta quarta-feira, (03), seu comprometimento com um supply chain 100% responsável (accountable) e endereçável (addressable) até o final de 2020, que culmina no lançamento do SOURCE by MediaMath. A  novidade já está ativa no mercado norte-americano e, em breve, chegará no Brasil.

O objetivo da empresa com a novidade é:

  • Corrigir os erros da indústria de publicidade digital; 

  • Ajudar as marcas e as agências a recuperar resultados poderosos com menos esforço; e 

  • Criar, por meio da IA, um ambiente responsável e endereçável onde os interesses das marcas, das agências, dos publishers e dos provedores de tecnologia estejam alinhados. 

SOURCE by MediaMath é um novo ecossistema com parceria com vários outros players da indústria que resolve desafios fundamentais como fraude, visão única do consumidor e transparência de termos comerciais, para citar alguns. 

E está fundamentado em dois compromissos principais:

  • Ser totalmente responsável (accountable): Isso significa impressões reais em propriedades de conteúdo reais; e

  • Ser totalmente endereçável (addressable): Isso significa que pessoas reais veem anúncios reais e relevantes.

O SOURCE by MediaMath define o novo padrão mundial da indústria para o desempenho da mídia e melhora significativamente o engajamento à medida que marcas e agências explorem um supply chain premium e altamente curado, impulsionado pela demanda do mercado por alcance de público endereçável e responsável.

“Decidimos mudar o marketing para melhor. Infelizmente, a pureza das intenções da nossa indústria quando construímos a infraestrutura digital se perdeu em fraudes, desperdícios e irrelevância, criou mais anúncios em vez de bons anúncios e minimizou o valor do supply de qualidade em sua forma mais pura e transparente”, afirmou Joe Zawadzki, CEO da MediaMath. “Como parte dos pioneiros em programática, sentimos que temos que ajudar a consertar o que está quebrado”.

“Simplificando, em vez de as marcas poderem se concentrar em crescimento e no aprofundamento do relacionamento direto com os clientes, grande parte do seu tempo é gasto com tarefas operacionais de um ecossistema danificado”, acrescentou Zawadzki. “O supply chain deve ser repensado para impulsionar o crescimento das marcas e liberar os talentos criativos para criarem e, por sua vez, incentivar um ecossistema mais confiável, com incentivos alinhados para todos”.

Também como parte do anúncio, a MediaMath tem uma longa lista de parceiros já confirmados para o novo ecossistema: Rubicon (parceiro âncora), Business Insider, Crackle Plus, Havas, IBM Watson Advertising, IRIS.TV, NewsCorp, Publishers Clearing House, Oracle, Video & CTV/OTT Partner Telaria, Vizio/Inscape, e White Ops.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

AdInsights

+ Ver mais

A Gillette sabe o que faz. Já Neymar…

por Adinsight por Leonardo Araújo

Especial TV Aberta

+ Ver mais

Como a TV conversa com o Youtube?

por Gabriel Grunewald