Hunter x Hunter pode estar de volta

Hunter x Hunter pode estar de volta

Mais capítulos do mangá Hunter x Hunter podem estar chegando em um futuro próximo, potencialmente encerrando um hiato de anos para a série

Uma conta no Twitter supostamente administrada pelo autor de Hunter x Hunt , Yoshihiro Togashi, postou uma pequena atualização na terça-feira: uma foto do canto de uma página de mangá com uma frase que se traduz aproximadamente em “mais 4 episódios por enquanto”. A conta é totalmente nova, por isso não é verificada, embora a biografia afirme que é, de fato, oficial e que Togashi a usará para atualizar seu progresso. O artista de One Punch Man , Yusuke Murata , diz que a conta é Togashi, e a Polygon entrou em contato com a Viz Media, editora americana de Hunter x Hunte r, para confirmação.

O volume mais recente de Hunter x Hunter saiu em 2018 no Japão. Devido a problemas de saúde frequentes e graves, Togashi frequentemente faz pausas em seu trabalho. No entanto, esta pausa mais recente foi a mais longa até agora.

Togashi começou Hunter x Hunter em 1998. O mangá e as duas séries de anime baseadas nele acontecem em um mundo onde profissionais licenciados chamados Hunters embarcam em aventuras fantásticas, como encontrar monstros perigosos, rastrear criminosos ou caçar tesouros. A série segue um garoto chamado Gon, que faz o Exame Hunter para encontrar seu pai distante, um lendário Hunter. Ao longo do caminho, ele conhece Killua, o herdeiro fugitivo de uma família de assassinos; Kurapika, o último membro de um clã assassinado; e Leorio, estudante de medicina.

Enquanto as aventuras de Gon terminaram principalmente após o arco das Chimeras, enquanto os volumes de mangá mais recentes giraram em torno de Kurapika. Em uma missão para vingar seu clã caído – e recuperar seus olhos roubados, ele se junta a uma expedição perigosa para uma terra desconhecida, servindo como guarda-costas de uma princesa bebê. Leorio também está a bordo do navio, servindo na Baía Med, mas não o vemos muito.

Enquanto isso, o anime de 2011, que adapta a maior parte do mangá, até este arco atual, está disponível para transmissão no Crunchyroll e HBO Max.

Essa matéria é uma tradução da escrita por Petrana Radulovic para o site Polygon.

Quer saber mais novidades? Não deixe de seguir o ADNEWS nas redes sociais e fique por dentro de tudo!

Post anterior
TopPubli: as 5 melhores campanhas de Maio

TopPubli: as 5 melhores campanhas de Maio

Próximo post
OMO usa trend da internet em nova campanha

OMO usa trend da internet em nova campanha

Posts Relacionados