A volta ao normal é o desejo de todo mundo, mas, ainda é um assunto delicado e imprevisível. Nos últimos dias, um dos assuntos mais comentados foi o avanço nas pesquisas sobre a vacinação contra o vírus da COVID-19, o que nos faz pensar no retorno a ‘vida normal’ em um futuro próximo. 

Grandes eventos como shows, festivais, esportes ou qualquer sinônimo de grande público e arquibancada não serão uma grande cartada mesmo com todos os cuidados de prevenção. Mas até quando existirá este receio? Quando o público terá um grande evento? 

Em uma entrevista para o podcast do jornalista Bob Lefsetz, também conhecido por diversas críticas sobre produções musicais, Marc Geiger, o convidado da programa e um dos fundadores de um dos maiores eventos musicais do mundo, o Lollapalooza, não criou muitas expectativas sobre um retorno e especulou a volta do Lolla somente para 2022.

Já foi anunciado que o evento não será realizado neste ano, nos Estados Unidos, porém, a comunicação oficial do festival divulgou que a edição deste ano será em formato de ‘lives shows’, ou seja, um evento on-line com diversas atrações inéditas e cenas jamais vistas desde os anos 90! 

Já a edição brasileira, por enquanto, está confirmada e deve acontecer entre os dias 4, 5 e 6 dezembro deste ano, no Autódromo de Interlagos. Ainda não se sabe se a edição pode ser transformada em um evento virtual, mas por enquanto os amantes do universo Lolla podem se divertir em casa com algumas lives #LollaBRemCasa que já estão sendo feitas no canal do YouTube.

 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Seguindo as medidas preventivas recomendadas pelo Ministério da Saúde, O Lollapalooza Brasil será realizado de 4 a 6 de dezembro de 2020. A saúde e a segurança de nossos fãs, artistas, funcionários, parceiros e comunidades são a nossa prioridade. Nossos headliners Guns N’ Roses, The Strokes e Travis Scott estão confirmados para as três datas remarcadas. Iremos fornecer uma atualização sobre o line-up completo o mais rápido possível. Todos os ingressos comprados para as datas originais serão validos nas datas remarcadas. Informações mais detalhadas serão enviadas a todos os titulares de ingressos e também estarão disponíveis em breve no site do Lollapalooza Brasil, inclusive sobre a política de reembolsos dos ingressos caso não possa comparecer às novas datas.

Uma publicação compartilhada por Lollapalooza Brasil (@lollapaloozabr) em

 

Durante a gravação do podcast, o fundador e o mediador puseram na mesa uma linha tênue entre entretenimento e sobrevivência. Geiger afirmou ser devastador e caótica essa situação para o setor, mas que não pode ser cogitada a ideia enquanto vidas estão em risco. De outro lado, a necessidade de atividade entre as empresas envolvidas em projetos como o festival musical também foi pauta, e sinceramente, o fundador não cria boas expectativas para o futuro. ‘Os próximos seis meses podem ser mais dolorosos que os últimos seis meses, e talvez os próximos seis meses depois sejam ainda mais’, conclui Marc Geiger.