Netflix

Netflix planeja bloquear acesso de quem não mora com o dono da conta

Wendel Martins
Países como por exemplo, EUA, receberam o novo recurso da Netflix, que tem como objetivo certificar que somente usuários da mesma casa assistam

A fim de combater o compartilhamento de senha, a Netflix lançou um novo recurso em seu aplicativo de TV. Nesta semana, usuários estrangeiros da Netflix começaram a receber o seguinte aviso: “se você não mora com o proprietário desta conta, precisa de sua própria conta para continuar assistindo”.

Nesse sentido, o aplicativo exibe a opção de confirmar a conta com através de SMS e e-mail. Porém, ainda assim, existe a opção “verificar depois”.

Ou seja, por enquanto o recurso é limitado a um aviso que pode ser ignorado. Além disso, o compartilhamento de senhas entre usuários de diferentes casas, costuma ocorrer com o consentimento do proprietário. Portanto, uma confirmação simples de login não seria problema.

Conforme comunicado pela Netflix ao site The Streamable, “este teste foi desenvolvido para ajudar a garantir que as pessoas que usam contas da Netflix estão autorizadas a fazê-lo”.

Da mesma forma, segundo os termos da plataforma de streaming, uma conta só pode ser compartilhada com a mesma casa. Em outras palavras, o serviço não pode ser compartilhado com pessoas de fora da família.

Atualmente, os planos da Netflix limitam somente o número de telas em reprodução simultânea. Portanto, não existe restrições em relação a endereços distintos, ou endereço IP (número atribuído a dispositivos conectados à internet).

Seja como for, até o momento o recurso está disponível somente emTVs. Ao mesmo tempo em que, não há previsão de notícias de aviso em dispositivos móveis.

A princípio, países como por exemplo, Brasil, ainda não possuem data para o lançamento do recurso.

Compartilhamento de senhas é comum no Brasil

No Brasil, é comum que o proprietário da conta compartilhe a senha com pessoas de fora da casa. Seja para dividir o valor entre os usuários, ou somente para compartilhar a senha, a prática é frequente no país.

Acima de tudo, com tal endurecimento nos termos de uso, a Netflix mostra a capacidade de atrair novos usuários. Principalmente devido ao seu vasto catálogo.

Além disso, no começo deste ano, o serviço de streaming ultrapassou a marca de 204 milhões de assinaturas pagas em mais de 190 países. Sendo que, no ano de passado a marca acrescentou 37 milhões de assinantes.

Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior

Green Park Content anuncia novo CEO para a América Latina

Próximo post
Corona

Protegendo os paraísos: containers de Corona dão novo rumo ao plástico

Posts Relacionados

Por favor, desabilitar Adblock para visualizar conteúdo do site.