Sentinelas da Luz: Riot Games anuncia primeiro evento multiplataforma

Sentinelas da Luz: Riot Games anuncia primeiro evento multiplataforma

Em um quebra-cabeças online lançado nesta segunda-feira (21), a Riot Games anunciou seu próximo grande evento exclusivo: Sentinelas da Luz. A comunidade descobriu o site por meio de alterações de links nos perfis de mídias sociais da Riot e usou seus conhecimentos sobre a história de League of Legends para ativar o anúncio.

O evento Sentinelas da Luz será lançado no dia 8 de julho e também marca a primeira vez que a Riot Games promove uma experiência multiplataforma, trazendo novos acontecimentos não só dentro do universo de League of Legends (League of Legends, League of Legends: Wild Rift, Legends of Runeterra e Teamfight Tactics), mas também no VALORANT, permitindo que a comunidade participe do projeto em seu jogo favorito.

Assim como a ordem dos Sentinelas da Luz, que defende o mundo de Runeterra de espíritos mortos-vivos vindos da Névoa Negra das Ilhas das Sombras, o evento também dará às pessoas a oportunidade de ajudar suas comunidades locais por meio do Fundo de Impacto Social da Riot Games , que no último evento beneficente do Ornn Sabugueiro arrecadou mais de 7 milhões de dólares.

Sentinelas da Luz dá continuidade ao arco da história que vem sendo contada aos longo dos meses desde janeiro, com o retorno de Viego, o Rei Destruído, na animação “Ruína” . A arte que acompanha o anúncio traz Viego e Gwen , Campeões lançados no início do ano, além de outros já conhecidos, como Lucian , Senna e Thresh . No canto inferior, há uma imagem que parece ser do “Sentinela Perdido”, o próximo Campeão que a Riot vem divulgando, já que sua arma é semelhante à exibida em abril . Ao completar o quebra-cabeças do site, o nome do Campeão é revelado: Akshan.

Nas próximas semanas, teremos mais informações sobre Akshan e o evento Sentinelas da Luz!

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior
Aída dos Santos, única mulher na delegação brasileira em Tóquio de 1964, recebe "O uniforme que nunca existiu”

Aída dos Santos recebe “O uniforme que nunca existiu” da Centauro

Próximo post
YouTube apresenta relatório de tendências em Cannes

YouTube apresenta relatório de tendências em Cannes

Posts Relacionados