Twitter Spaces

Twitter: Spaces começam a ser cobrados no iOS

Anfitriões poderão cobrar até 999 dólares pelas salas criadas e vão receber 97% dos ganhos realizados através dos Spaces no Twitter

Nesta semana, o Twitter iniciou o lançamento do “Ticketed Spaces“, que passa a cobrar pelo acesso às salas criadas no Spaces. Os primeiros testes com a monetização aconteceram em junho e agora são aplicados para alguns usuários de dispositivos iOS.

Com o início das salas pagas, os anfitriões poderão cobrar entre US $ 1 e US $ 999 pelos espaços criados, além de terem a opção de definir quantas pessoas podem acessá-los. Até o momento, 97% do valor dos ingressos que já tiveram as taxas da Apple e do Google descontadas será repassado aos criadores.

Apesar de o repasse ser alto, caso o criador receba US $ 50.000 ou mais por meio do Spaces, o Twitter cobrará 20% de seus ganhos. Em maio, a plataforma também já havia comentado sobre as taxas e declarou que os anfitriões ficarão com 80% do que receberem com as salas, já após a aplicação das taxas das lojas de aplicativos do iOS e do Android.

Na conta do Twitter dedicado aos Spaces, a rede social destaca a diversidade das salas e a possibilidade de convidar quantas pessoas desejar para as salas, além da facilidade em promover os espaços criados. Veja:

“Cada espaço é diferente. Com o Ticketed Spaces, os anfitriões poderão definir o tamanho do seu espaço – convidando 100 pessoas, ou apenas 5! – para conversas mais íntimas e profundas. Promova facilmente os seus Spaces: queremos ajudá-lo a levar as pessoas certas e o seu público até você em todos os momentos. Agora você pode lembrar aos participantes que o seu Spaces está acontecendo com notificações push e no aplicativo. até mesmo compartilhe os detalhes do seu Space diretamente na sua linha do tempo.”

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior
Cristiano Ronaldo retorna ao Manchester United após 12 anos

Cristiano Ronaldo retorna ao Manchester United após 12 anos

Próximo post
Antonio Fadiga, CEO da Artplan

Antonio Fadiga, CEO da Artplan | LIVEADS

Posts Relacionados