Grey's Anatomy está cheio de lições de atendimento. Dúvidas?

grey

Grey’s Anatomy é uma série médica que teve início em março de 2007 pela rede americana ABC. No Brasil é o canal Sony que fica responsável pela transmissão.

Ao longo dos anos a série conquistou uma legião de fãs que foram encantados pelo drama criado por Shonda Rhimmes. Mas, Grey’s Anatomy é muito mais do que uma série médica, também é uma série de muitos aprendizados.

O que muitos não sabem é que podemos aprender diversas coisas sobre atendimento mesmo em uma série com o tema médico e é isso que vamos te mostrar hoje.

  1. Você nunca vai aprender se não tentar

“O pássaro madrugador pega a minhoca, um lapso de tempo que salva outras nove. Aquele que hesita está perdido. Não podemos fingir que não nos foi dito. Nós todos já ouvidos os provérbios, ouvimos os filósofos, nossos avós nos avisando sobre perder tempo, ouvimos os malditos poetas dizendo-nos para “aproveitar o dia”. Ainda assim, às vezes, nós precisamos ver por nós mesmos. Nós temos que cometer nossos erros. Nós temos que aprender nossas lições. Temos que varrer as possibilidades de hoje para debaixo do tapete de amanhã até não aguentarmos mais, até que finalmente possamos entender por nós mesmos… que saber é melhor do que imaginar, que acordar é melhor do que dormir. E que mesmo a maior falha, mesmo no mais irascível dos erros, nada supera o inferno de nunca ter tentado.” – Meredith Grey

Uma coisa é certa: não dá pra aprender sobre como atender bem o seu cliente se você não tentar. Ninguém nasce sabendo como falar diretamente com o cliente, ou como fazer algo que não o deixe irritado nos canais de atendimento.

É necessário que exista persistência, estudo de casos e tentativas! Tente hoje falar com o cliente de uma forma mais alegre, se não deu certo, tente amanhã falar com ele de forma mais séria, e se também não deu muito certo, é só tentar achar o meio termo.

O importante é fazer com que o seu cliente sinta que no momento em que está sendo atendido, o seu problema é a coisa mais importante daquele momento. Tente!

  1. Quando você estiver sobrecarregado, dê um passo de cada vez.

“Apenas ponha um pé na frente do outro. Apenas passe o dia.”- Meredith Grey

Calma, muita calma nessa hora. Essa dica vai diretamente para os supervisores: colaborador sobrecarregado não consegue render direito. Não sobrecarregue seus colaboradores, eles precisam primeiro aprender uma função para então conseguir aprender e desenvolver de forma satisfatória outra tarefa.

Colaboradores: deem um passo de cada vez, não troque os pés pelas mãos, a grande sacada do atendimento não é mostrar trabalho, mas sim fazer o seu serviço com qualidade.

  1. Ninguém é perfeito

“Eu sou um ser humano. Eu cometo erros. Eu sou falho. Nós todos somos.”  Derek Shepherd

Ninguém consegue fazer tudo com perfeição o tempo todo. O ser humano é falho, comete erros, mas pode aprender muito com eles.

Não deixe que a primeira derrapada na sua carreira dentro do atendimento te desanime. Às vezes os erros aparecem e você pode aprender com eles.

Você vai errar com o seu cliente, ele vai reclamar, vai fazer barulho, mas não o ignore, pelo contrário, aprimore seus colaboradores para que no próximo contato com esse cliente ele saia satisfeito.

  1. Todo mundo precisa de alguém

“No final do dia, no final das contas, tudo o que nós realmente queremos é estar perto de alguém.” –Meredith Grey

Todo mundo precisa de alguém. Quando o cliente entra em contato com os serviços de atendimento da sua empresa ele está precisando de você e é justamente nesse momento que você precisa dar atenção e o melhor tratamento que ele já recebeu na vida.

Às vezes o consumidor só quer que alguém o escute, que preste atenção no que ele está falando e na frustração que ele está sentindo de ter que reclamar do produto/serviço que ele adquiriu. Lembre-se: dentro da sua empresa o consumidor é um diamante e deve ser tratado como tal.

  1. Não tenha medo de ter medo

“É bom sentir medo. Significa que você ainda tem algo a perder.”  Richard Webber

Essa vai direto para os colaboradores: às vezes bate aquele medinho da monitoria, né? A qualidade sempre pega aquela ligação ou aquele chat em que você não estava em um bom dia e atendeu o cliente de uma forma rude ou até mesmo mal educada.

Ter esse sentimento é um sinal de que você se atentou ao erro, se importa com seu trabalho e vai fazer o possível para melhorar. Se você perde pontos de monitoria por algum atendimento não realizado da forma correta, a empresa também perde.

Essa dica segue a mesma linha de não ter medo de errar. O nosso diferencial está na forma como lidamos com situações difíceis e como evoluímos a partir do acontecimento.

  1. Mudança é um mal necessário

“Isso é uma daquelas coisas que as pessoas dizem: você não pode seguir em frente sem deixar o passado para trás. Deixar o passado é fácil, o doloroso é seguir em frente. Então, às vezes nós lutamos e tentamos deixar as coisas como estão. Mas as coisas não podem continuar as mesmas. Em algum momento você simplesmente tem que deixar para trás, seguir em frente. Porque não importa o quanto seja doloroso, é o único jeito que nós crescemos.” – Meredith Grey

É importante existir mudanças. A troca de uma equipe aqui, a troca de um setor ali, às vezes, é necessário para que os processos sejam otimizados e os consumidores continuem sendo bem atendidos. Vamos zerar e recomeçar!

Os filmes, livros e até mesmo as séries que assistimos podem servir de muito aprendizado na nossa vida pessoal e profissional justamente por estar tão inserido no nosso ambiente.

Para ver mais do conteúdo do portal, clique aqui

Deixe seu comentário: