café de comer

Café de comer? Startup vem fazendo sucesso com o produto inovador

Em meio à pandemia, a startup brasileira de tecnologia alimentar Cafene Innova lançou a marca BitCoffee para o mercado nacional, com o “café de comer”, uma verdadeira inovação para o segmento gourmet mundial. Inicialmente apresentado em três sabores: espresso, cappuccino e café com leite, a inovação conquistou o paladar de muitos e em atraindo holofotes do mercado externo, com possibilidades para exportação de BitCoffee já em negociações.
Isso motivou a empresa a investir na expansão do mix de produtos. Agora a BitCoffe está lançando a linha zero nos mesmos sabores da versão convencional, além de novas embalagens, com formato que facilitam a logística e o armazenamento, bem como layout mais moderno e atrativo, repleto de informações sobre o café de comer.
café de comer
Nova embalagem do “café de comer”
“O varejo é ávido por novidades e a indústria está constantemente investindo em lançamentos. Mas uma ‘inovação’ de verdade, com conceito inédito e proposta de hábito de consumo jamais visto é algo mais difícil de notarmos. O café de comer é isso, novo conceitual, experimental e comercialmente falando”, comenta Pedro Melo Jr, CEO da Cafene Innova.

Como é produzido

O BitCoffee é produzido a partir do processamento de café 100% Arábica Premium, torrado e moído, gordura vegetal, maltodextrina –suplemento à base de dextrina e maltose- e emulsificante lecitina de soja –gordura natural obtida da soja. E o produto não contém glúten.
Pedro Melo explica que a massa de café, chamada de Cafene, é uma matéria-prima que inspira experiências gourmets incríveis. “E nós traremos diversos produtos baseados nela a curto, médio e longo prazo”, complementa o executivo.

Mais inovações da marca

Além do confeito BitCoffee Zero, a Cafene Innova lançou recentemente o Creme de Café, também disponível em versão convencional e zero no e-commerce da empresa. A plataforma virtual foi criada em meio à crise causada pela Covid-19, momento em que a startup, assim como todas as empresas no mundo, precisou se adaptar para permanecer no mercado.
“A despeito das incertezas econômicas, optamos por enfrentar o cenário e arriscar. O resultado nos surpreendeu positivamente. Logo no primeiro mês de atuação com o e-commerce registramos um balanço 60% superior ao esperado para a fase inicial”, comenta Alexandre Pregnaca, Gerente de Negócios da Cafene Innova.

Responsabilidade socioambiental

Além da inovação alimentar, BitCoffee tem cunho social. A Cafene Innova firmou parceria com a EuReciclo com solução de logística reversa de embalagem para contribuir com a redução dos impactos na natureza, e apoio à ADID –Associação para Desenvolvimento Integral do Down-, revertendo parte das vendas à entidade que atua desde 1989 educando, preparando e incluindo pessoas com Síndrome de Down no mercado de trabalho.

Sobre o produto

O café de comer pode ser encontrado na loja da empresa, no Brooklin, que atende de segunda a sexta-feira das 9h às 18h, em embalagem de 30 gramas contendo 10 unidades. Há promoções especiais para combos e entregas por delivery, através da plataforma online www.cafedecomer.com.br, onde BitCoffee atende apreciadores de café em todo Brasil. No mix de opções, há preços especiais pelo lançamento das novas embalagens.
Post anterior
Volvo Grey

Grey e Volvo criam posto sem gasolina para o Dia Mundial Sem Carro

Próximo post
Baden Baden

Baden Baden lança os seus principais estilos na versão lata

Posts Relacionados