Faturamento do e-commerce na Black Friday cresce 5,8%, totalizando R$ 5,4 bilhões

Faturamento do e-commerce na Black Friday cresce 5,8%, totalizando R$ 5,4 bilhões

De acordo com a Neotrust, já foram registrados mais de 7,6 milhões de pedidos nas 48h de compras no varejo digital

A Black Friday foi concluída com um faturamento total de R$5.419.476.903,00 bilhões – um crescimento de 5,8% em faturamento na comparação com o resultado do ano passado, de acordo com levantamento realizado pela Neotrust, a partir do número total de compras realizadas via e-commerce, capturados desde o primeiro minuto de quinta-feira (25/11) até 23h59 de sexta-feira (26/11).

A edição 2021 da Black Friday encerrou as 48h monitoradas com um volume de 7,6 milhões de pedidos, 0,5% abaixo do desempenho registrado na quinta-feira e sexta-feira de 2020. Já o tíquete médio nacional das compras foi de R$711,38 (6,4% superior a 2020).

De acordo com projeção da ClearSale, empresa referência em antifraude, o valor de fraudes evitadas até 23h da sexta-feira foi de R$66.304.658,05.

As informações sobre os resultados do e-commerce da Black Friday 2021 puderam ser acompanhadas de forma gratuita pelo site Hora a Hora, iniciativa da Neotrust — uma das quatro unidades de negócio do T.Group. O  Hora a Hora contou com a parceria da ClearSale e o patrocínio do Cartão Elo. 

O monitoramento da Neotrust começou às 0h de quinta-feira (25/11) e prosseguiu ininterruptamente até o final da sexta-feira. Nos próximos dias, os dados passarão por um controle de qualidade e pela revisão das taxas de aprovação de pedidos. O resultado consolidado do e-commerce da Black Friday 2021 será divulgado na segunda semana de dezembro, por meio de um relatório gratuito para download no site da Neotrust.

Análise dos dados

Na análise da Head de Inteligência da Neotrust, Paulina Gonçalves Dias, o faturamento no e-commerce apenas na sexta-feira foi de pouco mais de R$ 4 bilhões, 4,5% acima do faturamento de 2020.

“Esse faturamento foi abaixo do que estávamos projetando. Teve performance abaixo do que foi a quinta-feira, que teve crescimento de 10%. Em número de pedidos, na sexta-feira, tivemos 5,2 milhões de pedidos. Isso representa 2,4% abaixo do que tivemos em 2020. O pico de vendas ocorreu entre 10h e 14h de sexta-feira”, comenta Paulina.

“Em 2021, assim como em outros anos, o cartão de crédito manteve-se como a principal forma de pagamento. Observamos a perda de participação do uso do boleto bancário em 4 pontos percentuais (p.p.) como forma de pagamento, enquanto PIX e carteiras digitais ganharam espaço. O PIX, entretanto, não teve a performance esperada, o que pode estar relacionado à data da Black Friday, já no final do mês, o que tem um impacto no bolso do consumidor para compras à vista”, acrescenta a Head de Inteligência da Neotrust.

Segundo Paulina, o valor do frete médio teve uma redução de 12% em relação ao ano passado e a participação do frete grátis nos pedidos teve um aumento de 0.6 pontos percentuais (p.p.), o que leva à conclusão de que o varejista tenha arcado com uma parte desse frete para atrair consumidores.

Outro destaque, entre as categorias mais vendidas, foi a entrada do item Eletroportáteis no Top-5.

“Nessa categoria, o destaque foram as compras de fritadeiras e aspirador de pó. Na categoria Moda e Acessórios, o maior desconto foi dado no segmento de calçados femininos e o menor desconto foi para moda masculina. Dentro da categoria Beleza e Perfumaria, o maior desconto ocorreu em itens para o corpo e o menor em itens de barbearia”, relata a executiva.

Performance do e-commerce na Black Friday 2021 (por categoria de produto sob o critério do número de pedidos)

1. Moda e Acessórios
2. Beleza e Perfumaria
3. Telefonia
4. Eletroportáteis
5. Eletrodomésticos

*Resultado a partir do número de pedidos de produtos mais comprados nas 48h monitoradas entre 0h de quinta-feira (25/11) e 23h59 sexta-feira (26/11)

Performance do e-commerce na Black Friday 2021 (por categoria de produto sob o critério de faturamento)

1. Telefonia
2. Eletrodomésticos
3. Eletrônicos
4. Informática
5. Móveis

*Resultado a partir do faturamento dos produtos comprados nas 48h monitoradas entre 0h de quinta-feira (25/11) e 23h59 sexta-feira (26/11)

Performance do e-commerce na Black Friday 2021 (por categoria faixa etária)

26 e 35 anos – 35%
36 a 50 anos – 34%
Até 25 anos – 17%
Mais de 51 anos – 14%

* Resultados percentuais sob o critério do número de pedidos realizados (100%) nas 48h monitoradas entre 0h de quinta-feira (25/11) e 23h59 sexta-feira (26/11)

Performance do e-commerce na Black Friday 2021 (nas 5 regiões do país)

Sudeste – 61%
Nordeste – 16%
Sul – 14%
Centro-Oeste – 6%
Norte – 2%

*Percentuais aproximados por região sob o critério do número de pedidos feitos em todo o País (100%) nas 48h monitoradas entre 0h de quinta-feira (25/11) e 23h59 sexta-feira (26/11)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Post anterior

Bradesco traz parceria com Spotify em podcasts originais

Próximo post
Somente hoje: Méliuz oferece 20% de cashback na Cyber Monday da Amazon

Somente hoje: Méliuz oferece 20% de cashback na Cyber Monday da Amazon

Posts Relacionados