Oscar 2021 últimos vencedores

Oscar 2021: relembre os últimos 10 vencedores da categoria melhor filme

Com a proximidade do Oscar 2021, relembre os últimos 10 filmes vencedores da categoria de melhor filme. Confira a lista completa

O Oscar 2021 está cada vez mais próximo, com cerimônia marcada já para o próximo domingo, 25. O evento norte-americano é o maior da indústria do cinema, e também o mais importante para os cineastas do mundo inteiro.

Nesta publicação especial, vamos relembrar você dos últimos 10 filmes que venceram o Oscar de Melhor Filme, a principal categoria da premiação. Enquanto aguardamos o filme vencedor do Oscar 2021, confira a lista completa:

Parasita (Bong Joon Ho, 2020)

O último vencedor antes do Oscar 2021, o Parasita foi o primeiro longa-metragem estrangeiro a vencer o Oscar de Melhor Filme. O thriller social elaborado de Bong Joon-ho fala sobre a guerra de classes: uma família pobre sul-coreana abrindo caminho na rotina de uma família rica de maneira surpreendente. Além do Oscar de melhor filme, o longa recebeu outros três Oscars: Direção, Roteiro Original e Filme Internacional.

Green Book – O Guia (Peter Farelly, 2019)

Alvo de diversas críticas (vindas até da família do pianista de jazz, Don Shirley) antes de ganhar o Oscar, o longa de Peter Farelly é acusado de ter encobrido a verdadeira história e deu crédito indevido a seu motorista branco por ensiná-lo sobre sua própria cultura. Vale lembrar, que o filme também nas categorias Ator Coadjuvante e Roteiro Original.

A Forma da Água (Guillhermo del Toro, 2018)

Considerada uma das melhores obras de Guillhermo del Toro, o longa do renomado diretor, conta a história de amor entre uma humana muda e uma criatura mística parecida com um peixe, enquanto ensina diversas lições sociais. O filme venceu também em Direção, Trilha Sonora Original e Direção de Arte.

Moonlight: Sob a Luz do Luar (Barry Jenkins, 2017)

O brilhante filme dirigido por Barry Jenkins, retrata a história de Black, que almeja construir um futuro brilhante, enquanto foge da criminalidade, e luta contra preconceitos. Além do prêmio de melhor filme, o longa conquistou o Oscar de melhor roteiro adaptado e melhor ator coadjuvante.

Spotlight: Segredos Revelados (Tom McCarthy, 2016)

Baseado em uma história real, o drama acompanha um grupo de jornalistas que reúne milhares de documentos capazes de provar diversos casos de abuso de crianças, causados por padres católicos.  Com um enredo capaz de prender a atenção do público todo o momento, o longa dirigido por Tom McCarthy ganhou o Oscar de Melhor Filme e o Oscar de Melhor Roteiro Original.

Birdman (Alejandro González Iñárritu, 2015)

Considerada uma crítica para a indústria do cinema, o longa conta a história do ator Riggan Thomson, conhecido por interpretar Birdman, um super-herói que se tornou um ícone cultural. Porém, ao recusar-se a gravar o quarto filme com o mesmo personagem, sua carreira começa a decair. Em uma tentativa de recuperar a fama perdida e também o reconhecimento do público, ele decide dirigir, roteirizar e estrelar a adaptação de um texto consagrado para a Broadway. Com um enredo original, o filme também ganhou o Oscar de Melhor Roteiro Original e Melhor Fotografia. Além disso, Alejandro González conquistou o Oscar de Melhor Diretor.

12 Anos de Escravidão (Steve McQueen, 2014)

Com um elenco estrelado, o filme é considerado um dos melhores da história sobre racismo, em especial, a luta contra a escravidão. O filme dirigido por Steve McQueen conta a história de Solomon Northup, um negro livre, que vive em paz com sua família. Mas em 1841, após aceitar um trabalho que o leva a outra cidade, ele é sequestrado e acorrentado. Vendido como se fosse um escravo, Solomon precisa superar humilhações físicas e emocionais para sobreviver. Ao longo de doze anos, ele passa por dois senhores, Ford e Edwin Epps, que, cada um à sua maneira, exploram seus serviços. Além do Oscar de Melhor Filme, o filme também venceu o prêmio de Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Atriz Coadjuvante.

Argo (Ben Affleck, 2013)

Um filme complexo, mas rico diversas questões, principalmente geográficas e históricas, o longa é ambientado no Irã, durante a crise de 1980. O enredo acompanha seis americanos, que ficaram refugiados na embaixada canadense em Teerã. E para tirá-los de lá, um agente da CIA decide fazer um filme fictício como estratégia para resgatá-los. Com um roteiro criativo, que apresenta diferentes formas para manter o roteiro original, o filme também venceu o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Montagem.

O Artista (Michel Hazanavicius, 2012)

Aclamado tanto pela crítica, como pelo público, o filme é habituado na década de 1920, e conta a história do ator George Valentin, uma estrela do cinema mudo. Porém, sua sua carreira está ameaçada pela chegada do cinema sonoro. Enquanto ele luta para manter seus filmes, Peppy Miller, uma coadjuvante, alcança a fama. A obra conquistou diversos prêmios, além do Oscar de Melhor Filme, o longa conquistou o prêmio de Melhor Diretor, Melhor Ator, Melhor Trilha Sonora Original e Melhor Figurino.

O Discurso do Rei (Tom Hooper, 2011)

“O Discurso do Rei” é considerado por parte da crítica como um filme superestimado, não que o filme seja “ruim”, mas talvez não seja bom o suficiente para ganhar o Oscar de Melhor filme. Em relação ao enredo, o filme conta a história do Príncipe Albert da Inglaterra, que deve ascender ao trono como Rei George VI, mas ele é gago. Sabendo que o país precisa que seu marido seja capaz de se comunicar perfeitamente, Elizabeth contrata Lionel Logue, para ajudar o Príncipe a superar a gagueira. Lionel se coloca de igual para igual com George e atua também como seu psicólogo, tornando-se amigos. Além do Oscar de Melhor Filme, o longa também ganhou o prêmio de Melhor Ator, Melhor Diretor e Melhor Roteiro Original.

Confira também a lista dos filmes favoritos para o Oscar 2021 na categoria melhor filme.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior

Colgate Ultra Soft cria plataforma de entretenimento

Próximo post
invocação do mal 3

Invocação do Mal 3: A Ordem do Demônio: confira o trailer e a história real

Posts Relacionados