2020 se aproxima e, com ele, um mix de sentimentos que tradicionalmente emerge durante o fim de mais um ano. Se a última década foi marcada por transformações radicais ao redor do mundo, o que esperar para os próximos 10 anos? Expectativas, promessas e questionamentos sobre o futuro se tornam cada vez mais assuntos do dia a dia, por isso, o Itaú Unibanco estreia seu tradicional filme de final de ano com uma reflexão importante sobre como os seres humanos, em um contexto cada vez mais tecnológico, moldarão o futuro.

“Eu sei calcular tudo na vida de vocês. Que música ouvir, que rua entrar, até quem amar”. Questionado por uma criança sobre o que é o futuro, o robô que protagoniza a peça, materializado na voz do ator Matheus Nachtergaele, se vê cada vez mais surpreso com a capacidade dos seres humanos de desafiarem a lógica e as previsões feitas por seus algoritmos e dados.

Criado pela agência Africa, o filme mostra o robô presenciando diversos acontecimentos reais que ocorreram ao longo de 2019, cenas em que a sensibilidade humana foi fundamental, o que faz com que o robô passe a se questionar se realmente pode ser considerado o “futuro”. Afinal, ele continua a ser instigado e inspirado, diariamente, pelas ações e pelo comportamento humano. Confira abaixo:

“O comercial de final de ano do Itaú já virou uma tradição. As pessoas o esperam para que possam enviar por WhatsApp para grupos de amigos e família. O nosso objetivo tem sido contar histórias inspiradoras, de um jeito sensível e impactante, mas que sobretudo se conectem com as pessoas. Para isso, temos um trabalho muito antes, que busca a convergência das conversas que pautaram o ano com a verdade da marca”, explica Eduardo Tracanella, diretor de marketing do Itaú Unibanco. “O insight do filme desse ano, por exemplo, veio do encerramento de um evento interno do banco, para todos os líderes da companhia, onde tratamos exatamente desse contraponto: o futuro será feito das pessoas, e não das máquinas. Acredito que, por mais que a tecnologia esteja acessível e possibilite coisas incríveis, há coisas que só nós somos capazes de fazer. As coisas mais incríveis do mundo ainda são as mais humanas”.

“Estamos numa virada de década, num momento-chave cercado por incertezas, angústias e previsões sobre como será o futuro”, comenta Sophie Schonburg, diretora executiva de criação da Africa. “Estamos muito encantados com a ideia da inteligência artificial e tantos avanços tecnológicos que esquecemos do fator mais importante para a existência de um futuro melhor, que é o fator humano. Estamos muito felizes em encerrar a década com uma campanha tão simbólica com essa.”

A campanha será distribuída via WhatsApp por meio de um bot. Quem utiliza o Facebook será impactado pela ação na timeline da rede social, por posts do Itaú que ativam o bot em suas contas de WhatsApp. Quem quiser receber o filme em seu celular também pode enviar uma mensagem para o número do bot: (11) 98845-4931 e em seguida compartilhar a mensagem com amigos e familiares que também desafiaram a lógica e fizeram coisas incríveis ao longo do ano.

A produção é assinada pela Saigon, com direção de Felipe Velasco e pós-produção da Nash. A direção de fotografia é do argentino Agustin Oroz.

O filme conta com versões de 120”, 90”, 60” e 30’’ que serão exibidas na TV aberta, redes sociais do banco e no canal do Itaú no YouTube.

FICHA TÉCNICA

Título: Final de Ano

Agência: Africa

Anunciante: Banco Itaú

Produto: Institucional

CCO: Sergio Gordilho

Direção Executiva de Criação: Sophie Schonburg / Felipe Cury

Direção de Criação: Everton Behenck / Jeferson Rocha / Phil Daijó / Leandro Pinheiro

Criação: Everton Behenck / Jeferson Rocha / Phil Daijó / Leandro Pinheiro/ Otavio Schiavon

Atendimento: Renato Broggin / Isabel Castro / Natália Vasconcelos / Bianca Simões / Juliana Macedo

Mídia: Francisco Custódio / Beto Lima / Vinicius Tavares / Marcelo Carmim / Beatriz Isima / Cesar Rodrigues / Uryel Garrido

Planejamento: Filipe Botton / Rafael Trevisan / Tiago Luan / Thauanne Menezes / João Gait 

Pulse: Ana Carolina Santos / Caroline Ferraz / Bruno Rivas e Gustavo Muneratto

Insights – Pesquisa e Inovação Criativa: Eduardo Berardinelli / João Pacca / Asaph Ferreira / Marina Castro / Camylla Eiro

Produção Agência: Rodrigo Ferrari / Mariana Hermeto Reis / Ian Inglez

Produtora: Saigon

Diretor de Cena: Vellas

Produção Executiva: Marcelo Altschuler

Atendimento: Fernanda Gomes / Jin Park /Tais Sanches

Coordenação de Produção: Carol Pessini / Marina Blum / Natalia Cardoso

Diretor de Fotografia: Agustin Claramunt

Diretor de Arte de Cena: Marcelo Reginato

Assistente de Direção: Flávio Lanfredi / Luciana Camargo

Diretor de Produção: Reinaldo Faria

Coordenação de Pós Produção: Virgini Fares / Malu Leopassi

Montador: Ivan Kanter

Finalização: Equipe Saigon  

Finalizador: Fábio Abreu

Correção de Cor: Bleach

Finalizadora: Nash VFX

Produtora de Som: Antfood Music & Sound Design

Diretor de Produção Musical: Lou Schmidt / Fernando Rojo

Produção Musical: Luis Bergmann / Pedro Curvello / Vinícius Nunes

Produtor Executivo: Renato Castro / Christiane Rachel.

Coordenação: Monique Munhoz.

Finalização: Bruno Broaska / Fabian Jorge / Pablo Homen de Mello / Tiago Mago

Aprovação/cliente: Eduardo Tracanella / Juliana Cury / Natália Barreira / Luciana Ralston / Stephanie Fernandes