Abe, da Netflix, é um filme sobre amor e gastronomia

O filme é estrelado por Noah Schnapp e Seu Jorge.

Faz tempo que ouço falar sobre Abe. O filme, dirigido por Fernando Grostein , se passa em Nova York. E tem Noah Schnapp , de Stranger Things, e Seu Jorge no elenco. Acabei perdendo quando passou rapidamente pelos cinemas. Mas esse mês chegou na Netflix, e eu fui correndo assistir. Pra quem gosta de gastronomia é um prato cheio, rs. Mas, fica o aviso, só assista depois de comer. Porque vai dar fome!! Rsrs!

No filme, Abe (Noah Schnapp) é um menino de 12 anos que mora no Brooklyn . A  família da mãe dele é judia e a do pai, muçulmana. Isso, é claro, motiva uma série de discussões, e faz com que o garoto se sinta totalmente perdido. Mas uma coisa o faz feliz: a gastronomia, a mistura de sabores. É quando ele se torna aprendiz e amigo de Chico (Seu Jorge), um chef brasileiro.

O que achei de Abe?

O filme conquista por várias coisas. Primeiro a interpretação adorável de Noah Schnapp. Ele, que sempre se destaca em Stranger Things, é a figura central de Abe, e também o narrador. Conquista com sua inocência. E são ótimas também todas as cenas dele com Seu Jorge, que está carismático como sempre. A gente fica querendo mais sobre a relação de mestre e aprendiz desses dois.

Outra coisa positiva são as cenas de comidas sendo preparadas. Tem os detalhes de cada uma delas. É impossível não ficar com fome. E especialmente como o amor pela gastronomia pode ser algo que une as pessoas. O ponto um pouco problemático da história é justamente a relação com a família. As discussões das famílias de ascendência judaica e palestina são um pouco exageradas, até de certa maneira cansativas. Mas é provável que essa tenha sido a intenção do diretor Fernando Grostein. Assim ele faz com que a audiência se sinta exasperada exatamente como Abe. 

O filme participou de vários festivais. Estreou em Sundance, e ganhou o Children Jury Award no Kinder Film Festival em Viena. Além disso, recebeu o prêmio de público de melhor narrativa no Washington Jewish Film Festival. Tem uma bela mensagem, e é impossível você não adorar o menino. Vale o programa!

 

 

Eliane Munhoz

Para saber mais sobre filmes e séries, acesse blogdehollywood.com.br

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior
Com ativações online e offline, Free Fire mostra que “O Jogo Virou”

Com ativações online e offline, Free Fire mostra que “O Jogo Virou”

Próximo post
Heineken viraliza com Round 6 em nova publicidade

Heineken viraliza com Round 6

Posts Relacionados