Agências repudiam PL que veta propaganda com pessoas LGBT

Agências repudiam PL que veta propaganda com pessoas LGBTQIA+

Diversas agências se manifestaram contra o projeto que pretende proibir a presença de pessoas LGBTQIA+ em publicidade “para crianças”.

Diversas agências de publicidade e entidades do mercado se manifestaram ontem (20) contra o projeto de lei 504/20, da Assembleia Legislativa de São Paulo. O projeto pretende proibir a presença de pessoas LGBTQIA+ ou famílias homoafetivas em publicidade “voltada para crianças”.

Autora do PL, a deputada estadual Marta Costa (PSD), diz que tais propagandas trariam “desconforto emocional a inúmeras famílias” e que mostram “práticas danosas” às crianças. Para ela, a proibição vai “evitar a inadequada influência na formação de jovens e crianças”.

A questão pode entrar na votação de amanhã (22). O projeto de lei não diz qual tipo de publicidade é “voltada para crianças” e não explica como seria feita tal proibição.

A Associação Brasileira de Agências de Publicidade (Abap) emitiu uma nota de repúdio, na qual afirma que a proposta é inconstitucional por “impor discriminação à liberdade de expressão comercial e ao direito de orientação sexual”. Além disso, a Abap declara que o PL é uma tentativa de “censura de conteúdo, abrindo um precedente perigosíssimo para a liberdade de expressão e aos direitos de minorias”.

O ADNEWS apoia a liberdade de expressão

Nós do ADNEWS, que já estamos há mais de 20 anos cobrindo notícias do mercado publicitário e de comunicação, acreditamos que tal tipo de PL afeta totalmente a constituição e mostra um processo retroativo no ensino.

A publicidade e a comunicação precisam ter a liberdade de retratar a vida do jeito que ela é. Para assim, representar todos os tipos de pessoas e famílias, tais atos apenas se mostram ser discriminatórios, homofóbicos e preconceituosos.

Ao noticiar durante tantos anos esse mercado, pudemos notar a mudança e a evolução das agências e marcas ao trazer realidade e liberdade de expressão para suas campanhas e ações. Estamos aqui sempre para mostrar a beleza por trás da propaganda e ainda sim, sua capacidade de integrar a diversidade do mundo.

Confira algumas agências que fizeram posts sobre PL:


O tema criou um grande movimento as redes sociais. Mais de 30 agências de publicidade do mercado nacional se posicionaram contra o PL, com posts nas redes sociais, mostrando seu apoio a comunidade LGBTQIA+ e utilizando hashtags como: #PropagandaPelaDiversidade, #AbaixoPL504 e #LGBTNãoÉMáInfluência:

Total
33
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior

A quase certeza do melhor ator do Oscar 2021

Próximo post
inclusão e diversidade

Inclusão e diversificação nas campanhas| LIVEADS

Posts Relacionados