ilustração de como as imagens evoluíram

Como as imagens evoluíram na última década (e o que isso significa para o seu trabalho)

Algumas mudanças podem ser tão abrangentes que é difícil compreender verdadeiramente o quão grandes elas são. Você não pensaria duas vezes antes de enviar uma selfie para seus amigos ou gravar um vídeo rápido daquele momento especial em um churrasco. Esses comportamentos, tão familiares, tão simples e tão enraizados em como vivemos, nem eram opções ou, pelo menos, eram passatempos caros e estranhos apenas alguns anos atrás.

Muito aconteceu na última década, e seja um salto gigante na tecnologia ou uma revolução social, essas mudanças tiveram um impacto significativo nas imagens que vemos e até mesmo na forma como as vemos. Aqui está uma rápida olhada em algumas das principais causas de como as imagens evoluíram e algumas reflexões sobre como sua marca pode aproveitar ao máximo as últimas tendências em imagens.

Chamando todos os fotógrafos

As imagens que você vê ao longo do dia têm uma probabilidade muito maior de estar em uma tela do que impressas ou penduradas na parede. Essa mudança para uma experiência que prioriza o digital atingiu uma velocidade incrível no início da última década, com a introdução dos smartphones. Telas novas e maiores foram feitas sob medida para exibir imagens e câmeras embutidas tornaram mais fácil do que nunca tirar fotos.

Você pode até ser um fotógrafo profissional que fotografa em um iPhone (veja a Campanha “Shot on iPhone” da Apple, que aproveita o conteúdo gerado pelo usuário para demonstrar o poder de suas câmeras embutidas). Quando você pode gravar um spot de TV com qualidade profissional em seu telefone, isso muda a forma como os fotógrafos usam equipamentos profissionais.

Confira algumas das nossas imagens favoritas de tecnologia avançada na iStock.

Planeta dos aplicativos

Os aplicativos, sejam eles ajudantes diretos ou maus hábitos que sugam o tempo, foram o que realmente impulsionaram a revolução dos smartphones. Com essas novas ferramentas, surgiu a necessidade de interfaces funcionais e visualmente atraentes. Um aplicativo precisa aproveitar as vantagens do espaço limitado das telas dos smartphones e dos movimentos de deslizar e tocar que as controlam. Isso requer que gráficos e outros recursos visuais sejam claros, fáceis de ler e incentivem uma interação.

Logo, o equilíbrio do minimalismo, as fotos que preenchem a tela, a iconografia peculiar e as fontes do tipo sans serif rapidamente se tornaram as escolhas principais em design de aplicativos. À medida que as tendências estão tomando conta dos aplicativos, começaram a se espalhar para outras telas, elementos como o menu de hambúrguer mudou a maneira como pensamos sobre a organização de informações e deu origem a um foco crescente na experiência do usuário e na rápida expansão do mundo do design de UX (experiência do usuário) .

Veja vetores e ícones de busca na iStock.

Mudando as normas sociais

A última década viu uma explosão de plataformas sociais – novas maneiras de se comunicar com amigos, familiares e novas oportunidades para as marcas se conectarem com os consumidores. Rapidamente ficou claro que o sucesso nesses novos canais dependia da compreensão do novo poder das imagens.

Você quer alcançar novos clientes? Pesquisas mostram que 79% dos consumidores sentem que a tecnologia os mantém conectados a quem e ao que é mais importante. A imagem certa pode significar a diferença entre chamar a atenção ou apenas ser mais uma das centenas de postagens que são descartadas sem pensar.

Os maiores influenciadores de hoje e as marcas mais poderosas estão ocupados à beira da obsessão em postar a imagem certa. Por quê? Fama, direito de se gabar e acesso a milhões de pessoas que usam essas novas plataformas sociais. Isso oferece um grande potencial de renda, além de atenção de muitas pessoas.

Obtenha dicas sobre imagens de mídia social aqui.

Como otimizar suas necessidades visuais

Com essas novas ferramentas e plataformas de comunicação, a última década viu um grande aumento na demanda por novos conteúdos. Alguns profissionais de marketing aprenderam as habilidades necessárias para tirar fotos elegantes do produto e editar seus próprios vídeos, mas isso requer investimento, treinamento e tempo. Como alternativa, você pode contratar um fotógrafo ou ilustrador profissional – com um preço alto e um prazo longo de entrega. Mas, para uma abordagem mais fácil, rápida e econômica, você pode deixar isso para fotógrafos, ilustradores e curadores de imagens especializados que você já tem à sua disposição.

A iStock te dá acesso a uma coleção premium de fotografias, vídeos e gráficos de alta qualidade, exclusivos e royalty free, feitos conforme a demanda que está em constante mudança para o seu público viciado em mídia social e conhecedores de tecnologia.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Post anterior
Top Publi

Top Publi: Confira as melhores campanhas da semana!

Próximo post
BK Brasil anuncia novo gerente de comunicação, Daniel Packness

BK Brasil anuncia novo gerente de comunicação

Posts Relacionados

Por favor, desabilitar Adblock para visualizar conteúdo do site.