Aunica produz web série com linguagem das ruas para a Sony Brasil

Que homem lindo socorro

Dentro deste novo contexto de mercado e buscando formas de proporcionar um engajamento emocional entre a Sony Brasil e seus consumidores, a aunica Interactive Marketing desenvolveu uma ação que visa encantar com histórias reais de superação através da dança, música e arte, integrando os conceitos da marca, as características da linha de produtos da categoria de áudio e o perfil do público-alvo.

Com três episódios, a web série criada pela aunica para a Sony Brasil apresenta a evolução do break dance no país, mostrando que o Brasil tem muito mais do que apenas samba e futebol como produto de exportação.

“Como líder de mercado e criadora de tendências, a Sony está sempre buscando formas de se conectar com seus públicos e oferecer experiências e histórias relevantes. Ao criar esta web série, ampliamos nosso relacionamento com o consumidor que curte música, dança e movimentos como o break dance”, completa Marcelo Gonçalves, Gerente de Marketing e Comunicação da Sony Brasil.

Para Roberto Eckersdorff, Presidente da aunica Interactive Marketing, “O projeto marca a consolidação de nossa atuação no segmento de Marketing OnLife, em que o foco é no consumidor e na experiência, e não apenas no canal ou na comunicação usada. Sempre embalado por dados, análises e estudos que expliquem, comprovem e justifiquem o investimento. Afinal, criatividade sem dados é apenas arte. E sem criatividade, os dados perdem o valor, pois são apenas números, sem conteúdo ou contexto.”

Ainda de acordo com os roteiristas e diretores artísticos Adriana e Alexandre Azevedo: “um dos maiores desafios foi desenvolver um roteiro que apresentasse os termos específicos e relacionados ao universo do break dance, sem deixar de lado uma linguagem universal e que fosse atraente para o público que não conhece este segmento da dança.”

O Episódio 1 estreou no dia 27 de setembro e já está disponível em todas as redes sociais da marca e no site oficial da web série.

Deixe seu comentário: